Connect with us

Brazil Australia – Estudar e Trabalhar na Austrália

Sobre o Trabalho na Austrália

Trabalho na Austrália

Sobre o Trabalho na Austrália

Fazer um post sobre o trabalho na Austrália me dá uma espécie de Déjà vu. Isso por que um post meu em uma comunidade na Austrália em 2006 sobre o trabalho na Austrália foi justamente o que me inspirou a criar o blog. Vendo muitas mentiras que as agências e algumas pessoas que estavam aqui na Austrália contavam sobre a vida no país, resolvi que era hora de alguém falar a verdade e alertar quem estivesse vindo pra cá a se preparar e conhecer a realidade antes de  imigrar e assim poder se preparar melhor. O post na epoca foi um sucesso com muitas pessoas passando suas opiniões

Hoje tudo mudou um pouco,  em alguns aspectos para melhor, outros nem tanto. Por isso, depois de quase 7 anos daquele primeiro post resolvi criar mais um post sobre o trabalho na Austrália para atualizar quem está vindo pra cá.

O Trabalho na Austrália

Não existe uma resposta simples sobre como é o trabalho na Austrália. Isso por que tanto o tipo de trabalho, quanto o salário, irá variar de acordo com a experiência, nível de inglês e visto de cada um. Por isso vou tentar explicar este post em etapas.

A Verdade Sobre o Trabalho na Austrália

Antes de falar sobre o trabalho na Austrália é preciso ser sincero. Em primeiro lugar existe o fato que como estudante de inglês o estudante só pode trabalhar até 20 horas por semana. As agências tentam omitir ou minimizar este fato, mas lei é lei. Por outro lado também é fato que a maioria dos estudantes aqui trabalha mais que isso.

Algumas pessoas são pegas trabalhando mais que o permitido, mas isso sinceramente é bastante raro. Ser pego trabalhando mais que o permitido significa deportação. Contudo a maioria dos casos deste tipo que ouvi foram de pessoas trabalhando enquanto estavam no visto de turista, algo proibido e mais fácil de ser identificado.

Contudo sempre sugiro que se obedeça a lei aqui e trabalhe apenas o permitido, mesmo por que muitos brasileiros são deportados, pois acabam focando tanto no trabalho que vão parando de ir a escola ao ponto de serem denunciados pela escola para imigração.

O Inglês Influencia na Conquista do Emprego?

Sim, naturalmente. Qualquer pessoa independente do nível de inglês consegue emprego, mas as pessoas com o inglês melhor conseguem empregos melhores. Por isso toda vez que você vê aquele seu amigo que está aqui há 20 anos fazendo a mesma coisa, pode ter certeza que ele pegou um curso de inglês ruim, não estudou e está aqui até hoje falando o equivalente ao Nóis Vai, Nóis Vem, a Gente Vamos. Meus amigos estudantes que fizeram um bom curso inglês e tiveram uma boa evolução trabalham em lojas e consequentemente tem trabalhos mais tranquilos e que pagam melhor

Primeiro Emprego de Estudantes

Sempre digo que só fica desempregado na Austrália quem quer ou quem é muito cheio de “não me toques”. Por isso, hoje quando vejo algum brasileiro lamentando pra mim que está sem dinheiro, minha primeira reação é pensar: “Vai arrumar um emprego e para de chorar”. Quando cheguei aqui eu não era assim. Me comovia, acreditava e até me esforçava para ajudar alguém assim. Hoje entendo que a maioria dos estudantes sem dinheiro ou gastou tudo com viagens e baladas, ou com drogas.

Digo isso por que tenho pelo menos uns 20 amigos e mais uns 200 conhecidos para provar que o estudante que quer trabalhar aqui inevitavelmente arruma um emprego, e isso independe do seu nível de inglês.

Contudo o primeiro emprego nem sempre é fácil. Na maioria das vezes a insegurança faz com que a pessoa se intimide a iniciar a procura ou até mesmo não saiba se portar ao ser contactado pelo empregador, principalmente quando este contato é feito por telefone. Isso acontece por que nos primeiros meses aqui é realmente quase impossível entender o que um Australiano fala ao telefone. Você tem a ideia de que esta falando com um inglês que está com 4 bolhacas água e sal na boca. Com o tempo seu inglês melhora assim como esta situação. Mas é fato que todo estudante que está trabalhando aqui, alguma hora teve que conseguir o primeiro emprego.

Desta forma, apesar de mais difícil, a limitação de se conseguir o primeiro emprego é mais psicológica do que real. É sua mente dizendo pra você o tempo todo que seu inglês é horrível e nenhuma pessoa em sã consciência lhe dará um emprego.

Para resolver este problema a única maneira é tomar coragem e sair por ai aplicando para tudo quanto é vaga de emprego que aparecer. Eu fiz isso em meu primeiro mês aqui e arrumei um emprego de entregador de pizza no Dominos Pizza. Fiquei lá um mês, no qual me diverti bastante, me estressei e aprendi a correr atrás daquilo que eu realmente queria aqui.

O Segundo Emprego do Estudante

O segundo emprego do estudante aqui geralmente não é o próximo emprego, mas sim o outro emprego. Isso por que os estudantes aqui geralmente vão acumulando empregos. Num dia trabalham das 3 as 7 da noite em um lugar, depois vão das 8 as 11 em outro ai no dia seguinte estão trabalhando no emprego da tarde e fazendo algo diferente a noite a assim por diante. Quando você vai ver o cara tem 3 empregos e ainda trabalha de limpar calhas no final de semana. Estudante brasileiro determinado na Austrália se vira mais que bêbado na Rave.

Depois dos Empregos de Estudante

Chega uma hora que a pessoa já juntou dinheiro, já está conseguindo viver bem aqui, mas quer algo mais. Ai tem duas opções. Fazer uma faculdade ou tentar um emprego na sua área de formação. A maioria vai fazer outra faculdade. Isso por que quem trabalha em uma área específica no Brasil, em pouco tempo já começa a procurar algo na área aqui.

Durante este período de faculdade, o estudante passa pela maior ralação da sua vida. Gastou todo seu dinheiro com a faculdade, mal tem dinheiro pra sair e mesmo se tivesse não teria tempo, pois as faculdades na Austrália são muito exigentes. Ai o cara estuda 3 vezes por semana e trabalha que nem um louco os outro quatro dias para juntar dinheiro para pagar o próximo semestre.

Ao término da faculdade geralmente este cara (que foi esperto e estudou em uma área em demanda) já está empregado ou aplicando para o visto de residência permanente.

Sponsor – Trabalhando na Área

Quando digo que pouco depois dos meus primeiros meses aqui na Austrália arrumei um emprego na área muita gente se surpreende. Porém eu já trato logo de tirar a capa de super herói e explicar que eu não passo de um Clark Kent como você.

Qualquer pessoa que trabalhe em uma área em demanda aqui na Austrália, que seja competente (não precisa ser extraordinário, apenas competente) e principalmente muito exigente e não fique com baixa auto-estima por receber vários nãos, tem grandes chances de conseguir um emprego na sua área na Austrália.

Gente das mais competentes que conheci aqui, até as mais babacas sem talento conseguiram. Então, se um babaca sem talento conseguiu isso não irá impedir que você consiga também. Ë claro que isso vai depender da sua área de atuação. Se você é formado em direito, fisioterapia ou medicina, obviamente o processo é mais longo, complicado e certamente difícil. Se você é formado em IT e programa em .NET com os olhos fechados, tudo fica muito mais fácil e o sol brilhará para você mesmo nos dias mais chuvosos.

Eu não tinha nada de super especial quando cheguei aqui. Sempre fui esforçado, conhecia bem a minha área, mas estava trabalhando como Project Manager no Brasil e aqui estava aplicando para vaga de desenvolvedor. Acabei conseguindo um emprego onde fiquei cerca de 1 ano e meio até a empresa ser dissolvida. Ganhei muito bem para a época, morava em um apartamento em North Sydney muito legal, há poucos minutos da Harbour Bridge, pagava todas nossas contas e nunca me faltou nada. Quando a empresa quebrou foi um grande estresse passar por todo aquele processo de novo, mas graças a Deus em pouco tempo estava empregado novamente em uma empresa de games muito divertida. Algum tempo depois mudei para uma empresa maior, na verdade a maior empresa de desenvolvimento de sites da Austrália onde fui gerente de contas ( Account manager) até decidir que eu queria mudar de área e trabalhar com SEO, algo que tinha bastante experiência na época. Arrumei um emprego de SEO Manager em uma das áreas da News Co , detentora de dezenas de empresas, entre elas a FOX e fiquei lá até voltar para o Brasil para me casar em 2010.

Foram 4 vistos de sponsor até finalmente receber a residência permanente e há poucos anos a cidadania.

Por isso, quando alguém me pergunta se é difícil conseguir um sponsor e um emprego na área como estudante eu sempre digo que sim, muito, mas a cada dia eu vejo mais e mais pessoas conseguindo. Basta apenas ter os conhecimentos certos, ser determinado a ir atrás e não desistir. Não precisa ser nenhum ser especial.

Inclusive conheço pessoas que chegaram do Brasil sem formação, sem experiência em qualquer área em demanda, foram trabalhar em lojas, cafés, restaurantes, cabeleireiros, hotéis e as mais diversas empresas e conseguiram o sponsor e hoje são residentes. A única diferença deles pros demais é que eles engoliram os 300 nãos que receberam sem se deixar abater até receber o seu sim.

A Residência Permanente

As pessoas aqui se matam por causa de um visto de residência. Não são poucas as pessoas que fazem de tudo, até casar com quem não amam ou oferecer dinheiro a amigos para conseguir a residência.

Contudo o que se percebe aqui é que depois que você pega a residência sua vida não muda muito. Você continua sendo entrevistado pras vagas, continua passando pelo mesmo processo, a única diferença é que você não vai mais receber nenhum não por causa do seu visto, o que no caso dos não residentes é algo comum.

Agora, existem sim outras vantagens. Tirando a parte de conseguir emprego, a residência lhe dá direito ao Medicare (apesar do seu plano de saúde para estudante ser muito eficiente), você tem direito a subsídios na educação, ganha grants em dinheiro quando tem filho, compra uma casa ou monta uma empresa, tem livre entrada em vários países sem a necessidade de visto e tem direito a um excelente seguro desemprego caso fique desempregado. Mas isso é assunto pra outro post.

Dá pra Se Manter Trabalhando como Estudante na Austrália?

Esta é uma das maiores dúvidas dos estudantes.

A resposta é simples. Sim. Já coloquei isso aqui antes no post Quanto Custa Viver na Austrália. Lá tem todas as informações a respeito. Mas a grande maioria dos estudantes consegue se manter trabalhando aqui e uma boa parte deles consegue até juntar um bom dinheiro e ter uma boa qualidade de vida?

Os Trabalhos São Difíceis

A primeira coisa que precisa entender é que entregar pizza é a mesma coisa em qualquer lugar do mundo. Você pega a pizza, vai pro carro, desce, entrega a pizza pro cliente, pega o dinheiro e volta pra loja. A diferença é que aqui eu fazia isso em um Toyota Yaris, com ar condicionado, automático, mp3, etc fornecido pela Dominos. O resto é chato do mesmo jeito, mas acho que dos trabalhos aqui este é um dos mais tranquilos.

Quanto se Ganha como Estudante?

Isso depende do trabalho que você tiver (ou dos trabalhos) e quanto você trabalhar. Conheço gente que trabalhava 60 horas por semana e literalmente juntou uma pequena fortuna. Conheço gente que mesmo como estudante montou meio que o próprio business de aulas de natação, etc e ganhou muito dinheiro. Conheço gente que arrumou empregos bons e ganhou o suficiente para pagar aluguel, comprar carro, etc. Como conheço gente que ganhava apenas o suficiente para pagar o curso e se manter ou gente que ficava negando tudo quanto era emprego e ficava pedindo favor ou dinheiro dos pais no Brasil. Sorte conta um pouco também, mas determinação conta mais ainda.

Qualquer outra dúvida perguntem nos comentários ou no fórum.

Abraços

 

Continue Reading
You may also like...
36 Comments

36 Comments

  1. Manoela

    June 7, 2013 at 11:47 am

    Desde que resolvi fazer um curso na Austrália, não para de ler seu blog.
    Vou com o meu namorado agora em agosto e vamos para Sydney, estou super confiante e super animada para correr atras de emprego e lugar para morar.
    O seu blog me deixou muito mais confiante.
    Ja perguntei algumas vezes e não tive resposta, tomara que essa você leia.
    Na área de design de interiores, você sabe me dizer sobre a demanda?
    Obrigada e Parabéns!

    • Larissa Gomes

      August 27, 2015 at 12:22 am

      oi manoela!
      meu nome é larissa e estou na mesma situacao que vc! queria muito saber sobre a área de design de interiores em sydney e pretendo ir com meu namorado. como foi sua experiencia ? conseguiu algum emprego na area? obg! (:

      • Danilo Borba

        June 9, 2016 at 3:41 am

        Oi Manoela e Larissa, possuo a mesma duvida de vocês referente a design de interiores, não achei nada na internet sobre a área, também sou formado!

  2. Luan

    June 7, 2013 at 2:43 pm

    Olá Jerry, ótimo post !
    Gostaria de saber como que é a área de biologia, ouvi dizer que por ai tem bastante parques ambientais. É difícil conseguir emprego nessa área ? ou algum emprego atuando com meio ambiente ou reservas ambientais ?

    Abraço !

  3. Paulo Araujo

    June 7, 2013 at 3:26 pm

    Você enfatiza bastante essa parte da dedicação para ser bem sucedido; o jeito é ralar.
    Abrassss

  4. Leandro

    June 7, 2013 at 3:31 pm

    Olá Jerry! Seus posts estão ajudando muita gente. É sempre bom ver dicas e comentários de pessoas que já moram na Austrália, que nós mostram a realidade, que é totalmente diferente do que as agencias nos passam.

    Gostaria de saber se você ainda aconselha ir para Sydney, como você sempre diz, empregos tem em qualquer cidade, mas estou achando o custo de vida muito caro se comparando as outras cidades, acredito que o salário seja maior por causa dessa diferença. Estava pensando nas cidades menores e que poucas pessoas vão, como Adelaide, Hobart, Darwin, etc. Imagino que tem menos empregos nessas cidades, porém menos pessoas. Meu objetivo é aprender inglês(fluente) e depois tentar trabalhar na minha área que é a contabilidade. Não faço questão alguma de praias, baladas, festas, etc. Qualquer lugar me agrada. Quero apenas estudar bastante e trabalhar para juntar dinheiro suficiente para que no futuro próximo fazer algum curso relacionado a contabilidade, tentar o residência, etc.
    Você me indica alguma?

    Parabéns pelo blog. Está me ajudando muito. Continue assim.
    Fique com Deus!
    Abraço

    • Lilian

      June 7, 2013 at 5:09 pm

      Olá Leandro, também trabalho com contabilidade no Brasil e vou para Sydney estudar inglês para no ano que vem fazer um curso na área. Sei que os cursos TAFE são bem aceitos pelas empresas (www.tafensw.edu.au). Nesse link tem os cursos oferecidos em diversas cidades da Australia, o preço é um pouco salgado mas acho que vale a pena. O Jerry talvez consiga te dar mais algumas informações. Desculpe a intromissão, mas é sempre bom encontrar alguém da mesma área com o mesmo objetivo 🙂

  5. thiago pires

    June 7, 2013 at 4:47 pm

    olá Jerry, sou formado em produção audiovisual, trabalho em um estudio musical, sou tecnico de som e gravção, faço mixagem e masterizações de cd´s de banda e tal….apesar de ser uma coisa especifica, não tem grande demanda, vc tem alguma informação sobre esse tipo de trabalho ai?sera q consigo um sponsor, mesmo não tendo uma demanda tão grande, porem sendo uma area especifica?Penso tbm em fazer um curso na SAE ai, q é tipo uma escola de produção musical.
    Abraços e obrigado pelos posts!!

  6. Lilian

    June 7, 2013 at 4:58 pm

    Olá Jerry. Parabéns pelo blog! Já estive em Sydney por um mês e embarco em agosto novamente, desta vez para ficar um ano (quem sabe mais, dependerá de como as coisas se desenrolarem por aí). Peguei várias dicas legais e gosto muito do cuidado que você tem em ser imparcial, colocando todos os prós e contras de todas as situações para ninguém se iludir. Valeu e continue assim!

    • Amanda Rebelo

      February 14, 2014 at 12:37 am

      Oi Lilian, meu marido é formado em contabilidade e hoje estávamos analisando a possibilidade de morar aí. Eu sou formada em direito, então já vi que é mais complicado.
      Como está sendo a experiência?
      me escreve por favor, amanda-rebelo@hotmail.com

  7. Turquezza

    June 7, 2013 at 8:12 pm

    Bacana sua postagem. Muitas dicas ótimas para quem quer realmente “ralar”.
    Bom finde.
    Já fui passear por aí, em Sydney.
    Amo a Austrália!

  8. Fabrício

    June 8, 2013 at 3:28 am

    E ai Jerry!
    Então, sou formado em Administração de empresas, onde estudei, logística, financeiro, RH e vendas também tenho experiencia em todas elas. Nestas áreas sei que só com um bom inglês, mas me diz uma coisa, tem demanda para esses empregos administrativos?

  9. Felipe

    June 8, 2013 at 7:10 pm

    Hi Jerry!

    Meu nome é Felipe Morato, sou de Belo Horizonte, e estou indo para a Austrália em agosto, para Adelaide.

    Vi que você é cristão e queria que me ajudasse, se conseguir, a encontrar uma igreja em Adelaide. Uma igreja presbiteriana, batista ou alguma outra que siga uma linha reformada e calvinista…

    Se você tiver algumas informações ou dica da cidade também seria muito útil!

    abraços,felié

  10. Flavia

    June 9, 2013 at 8:39 am

    Como é/está o mercado de RH na Austrália? Você tem alguma informação?

  11. Matheus

    June 10, 2013 at 4:18 am

    Bom dia Jerry, parabéns pelo blog, muitas informações legais. Cara, como anda a área de Redes e Segurança? Tenho visto nos sites como seek e mycareer muitos empregos mas o que você acha do mercado estando aí? Fácil pegar um sponsor?
    Abraço cara e obrigado de novo =)

  12. Pichler

    June 12, 2013 at 7:30 am

    Esse post foi bom parabéns!

  13. Levi

    June 12, 2013 at 7:55 pm

    Antes de mais nd .. parabéns pelo blog. Lendo seus posts me faz parecer que já tenho um amigo ai. Tranquiliza e informa muito quem quer viajar pra tão longe.
    Estarei chegando em Sydney ano que vem. Sem que ainda tem um tempinho. Você citou algumas áreas que estão em alta por aí. Vc teria uma listinha dessas áreas que mais tem vaga no mercado? Por aqui trabalho como webdesigner e frontend. Quero continuar meu estudos focando nessas áreas. Sou formado em marketing e quero estudar design ai. Vc recomenda? Consigo algo na minha área com relativa tranquilidade. Sei bem como é trabalhar e morar em outro país. Morei 15 meses em Lodres, mas lá era muito complicado trabalhar na área. Tenho essas curiosidades sobre a Austrália.
    De qq forma, muito obrigado pelas dicas!!
    Abraço!

  14. Maykon

    June 13, 2013 at 8:48 am

    Fala Jerry, tdu bem?

    Em primeiro lugar quero te dar os parabéns pelo site, realmente muito útil e organizado.

    Sou graduado em Eng. de Produção e MBA em Gestão Empresarial, com experiência de 3 anos no setor de serviços logísticos e transportes.

    Estou indo para Melbourne em Julho para estudar inglês e quero saber sua opinião sobre o setor e minha área de formação de forma geral no país?

    Obrigado e mais uma vez ótimo trabalho.

    Abraço.

    Maykon Capelasso

  15. Ederson

    June 13, 2013 at 11:55 am

    Grande Jerry!
    Encontrei seu blog pesquisando coisas sobre a austrália no google, é bem mais facil obter informações com quem ja está aí, e obviamente, quem joga todas as cartas na mesa e mostra a realidade,em 2008, quando completei 20 anos fui pra NZ, mas infelizmente não soube aproveitar a oportunidade, só fiquei com brasileiros, aprendi muito pouco inglês e 3 meses depois voltei ao brasil.. chegando no brasil bateu aquele desespero de ter voltado.. mas naquele momento não havia mais volta.
    enfim, agora estou me formando em comércio exterior, final do ano que vem no caso(2014), e estava tentando pesquisar sobre algo na area na aus, porem não tenho ideia de como é a aerea aí, vi que quem atua com exp/imp é chamando de “shipping”, gostaria de te questionar se voce tem alguma informação sobre isso.. outra coisa é fazer uma pós aí na aus, oque agregaria muito no meu CV e no meu crescimento profissional.. desde já agradeço o contato e pelo seu blog, ontem fiquei até as 3 da manha lento praticamente todos os posts… muito bom!

  16. Katy K. Wynn

    June 19, 2013 at 10:00 am

    Toda área tem suas próprias certificações e apesar de custar dinheiro e muito tempo de dedicação, certificações vão dar aquele diferencial no seu currículo e pode “disfarçar” a sua falta de experiência. Além disso, nos grupos de estudos para certificações você com certeza vai conhecer muita gente, aí voltamos para o tópico anterior.

  17. Arlene Anastacio

    June 28, 2013 at 5:52 pm

    Oi Jerry, conheci o blog hoje e ja gastei um tempo lendo varios posts!

    Uma benção ter essas informaçoes! Ta todo mundo perguntando da sua area e eu como a primeira menina trabalho com design de interiores, essa area tem demanda no pais?

    Amei o blog, se tudo der certo na embaixada talvez no vemos na hillsong church!

    Fica na paz!

  18. Ana Cristina

    July 1, 2013 at 9:59 pm

    Ana Cris

    Olá Jerry!

    Estou pesquisando o máximo de informações sobre a vida na Austrália, mais precisamente em Melbourne, pois tenho interesse em fazer um curso de ingles. Por enquanto são planos, a grande dúvida é saber se todas essas informações que vc postou sobre a vida de estudante, se aplica para quem tem 40 anos, sou solteira não tenho filhos e não conheço ninguém que more em Melbourne, mas o meu sonho sempre foi passar uma temporada fora para dominar o idioma ingles. Sou formada em Comunicação Social mas minha maior experiência profissional é como Secretária e/ou Assistente de Executivos, e agora que consegui juntar uma boa grana quero investir neste sonho.

    Agradeço imensamente se vc puder me dar mais algumas dicas.

    Um grande abraço e obrigada!!

  19. Ana

    July 2, 2013 at 9:07 am

    Parabéns e Obrigada pelo blog.
    Já não faço parte do perfil de brasileiros que rumam para o país. Motivo: idade quarentinha). Minha intenção realmente é focada no inglês que já falo e me viro (nível avançado em escola de inglês americano não significa muito não é mesmo ainda mais com o sotaque daí…) mas é claro que a escolha pela Austrália não é aleatória, tenho especial simpatia pelo continente e sonho em conhecê-lo.
    Minha maior preocupação é a idade atrapalhar na obtenção de um emprego quando chegar com visto de estudante para cinco meses e precisando trabalhar para me manter e talvez estender meu período de estudos. Encontrarei preconceito pela idade embora não aparente…? Como é ter 40 na Austrália? Tem gente chegando com esta idade? Não importa o tipo de trabalho sendo digno tá valendo… A área de estética me interessa e gostaria de saber como é por aí e se o mercado está aquecido como aqui no Brasil. Muito Obrigada. obs: estou analisando também Vancouver mas meu coração pende para Sdney… Obrigada

  20. Ana

    July 2, 2013 at 12:32 pm

    Parabéns e Obrigada pelo blog.
    Já não faço parte do perfil de brasileiros que rumam para o país. Motivo: idade (quarentinha). Minha intenção realmente é focada no inglês que já falo e me viro (nível avançado em escola de inglês americano não significa muito não é mesmo ainda mais com o sotaque daí…) mas é claro que a escolha pela Austrália não é aleatória, tenho especial simpatia pelo continente e sonho em conhecê-lo.
    Minha maior preocupação é a idade atrapalhar na obtenção de um emprego quando chegar com visto de estudante para cinco meses e precisando trabalhar para me manter e talvez estender meu período de estudos. Encontrarei preconceito pela idade embora não aparente…? Como é ter 40 na Austrália? Tem gente chegando com esta idade? Não importa o tipo de trabalho sendo digno tá valendo… A área de estética me interessa e gostaria de saber como é por aí e se o mercado está aquecido como aqui no Brasil. Muito Obrigada. obs: estou analisando também Vancouver mas meu coração pende para Sdney… Obrigada

  21. karla cunha

    July 10, 2013 at 6:46 pm

    Oi Jerry
    sou webdesigner front-end senior, e ao ler seu comentário sobre conseguir um trabalho na sua área de TI gostaria de saber se a minha área é bem próspera na Austrália e se você acredita que, apesar dos NÃOS eu possa conseguir um bom emprego nessa área.
    Aqui no Brasil estou trabalhando com aplicativos mobile, desenvolvo sites responsivos e também entendo de SEO e campanhas para Google e estou super atualizada na área, fora que tenho graduação em Design e pós graduação em Marketing.
    Estou estuando inglês para quando for para a Austrália chegue com um bom nível.
    O que você pode me dar de conselhos?
    Agradeço desde já

  22. Igor

    September 24, 2013 at 10:02 pm

    Olá Jerry, parabéns pelo blog.

    Gostaria de saber o que é necessário para a validação de documentos e diplomas brasileiros na Austrália.

    Também gostaria de aproveitar e perguntar se sabe algo sobre o mercado de Arquitetura e Urbanismo.

    Obrigado!

  23. Fabio Alexandre Ribeiro

    January 20, 2014 at 1:24 pm

    Olá Jerry, parabens pelo blog. Gostaria de saber como faço para trablhar ai (Australia),meu ingle é fraco,sou formado em Téc. em Mecatrônico,não importo em trabalhar em outros sergiço,o que vc me sugeria. Obrigado!

  24. Fabio Alexandre Ribeiro

    January 20, 2014 at 1:28 pm

    Olá Jerry, parabens pelo blog. Gostaria de saber como faço para trablhar ai (Australia)tenho formação téc. Obrigado!

  25. yonit

    April 5, 2014 at 2:30 pm

    ola jerry, sou bióloga, estou pretendendo ir esse ano para austrália. como é a questão de emprego na área de biologia?
    irei a principio fazer um intercâmbio para aperfeiçoar meu inglês.
    qual seria a melhor cidade para essa área de meio ambiente/marinha?

    att

  26. Willian Schenkel

    April 13, 2014 at 4:50 pm

    Olá Jerry, tudo certo?

    Conheci seu blog faz 2 dias e não consigo mais parar de lê-lo. Estou gostando bastante. Parabéns e ao mesmo tempo obrigado por estar compartilhando as suas experiências e curiosidades com a gente.

    Gostaria de saber como é a área de biologia na Australia, pois estou cursando ciências biólogias e pretendo fazer uma graduação sanduíche, através do Ciência sem fronteiras. Pretendo ir daqui a 1 ou 2 anos mais ou menos. Você saberia me dizer?

    Obrigado!

  27. eduardo

    February 21, 2015 at 9:29 pm

    Cara sou formado em cinema aqui no Br, como é o mercado de cinema e tv na Australia, tem muitas produtoras no local?

    • Kenia

      April 17, 2015 at 2:53 pm

      Gostei muito da suas informações, gostaria de saber se designer de interiores ganha bem na Austrália?

  28. Pingback: O que Fazer Antes de Procurar Emprego na Austrália | Brazil Austrália

  29. Kenia

    April 17, 2015 at 2:53 pm

    Gostei muito da suas informações, gostaria de saber se designer de interiores ganha bem na Austrália?

  30. Liam Blazquez

    August 9, 2016 at 5:01 pm

    JERRY, tem emprego em adelaide?Andei lendo algumas coisas percebi que em sidney tem mais empregos,mas acho o custo de vida mais caro estava pensando em fazer um curso vet de culinária em adelaide mas estou em duvida arrespeito de emprego na região.

  31. Valdinei Bodaneze

    February 9, 2017 at 9:51 am

    Olá Jerry, bom dia!
    Parabéns pelo blog fantástico, tenho duas faculdades, inglês intermediário, sou professor de curso técnico de mecânica de automóveis, profissional na área da mecânica automobilística, instrutor e palestrante, especialista em motores a reação ( Aviões ) e aeronavegabilidade, pergunto:
    Na área da mecânica automobilística, qual seria a demanda de oferta de empregos?

    Aguardo retorno.
    abraços.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

More in Trabalho na Austrália

Posts da Austrália




To Top
%d bloggers like this: