Requesitos Financeiros Visto de Estudante
Confira a lista de requerimentos financeiros para o visto de estudante para a Austrália com todos os documentos necessários exigidos pela embaixada

Requerentes brasileiros para a subclasse 570 (Cursos de Língua Inglesa) e 572 (Cursos Técnicos e Treinamento) devem fornecer evidências de capacidade financeira para seu intercâmbio no país.

1– Evidência de Capacidade Financeira por Tempo de Estudo

Você precisa mostrar evidências que comprovem que você possui recursos suficientes para cobrir os custos de sua estadia na Austrália por todo o seu tempo de estadia no país. Caso o curso seja mais longo que 12 meses, você precisa comprovar fundos apenas pelos primeiros doze meses de permanência. Por exemplo, se um curso tem duração de 20 meses, você precisa comprovar fundos apenas pelos 12 meses iniciais.

2 – Custos Adicionais

Seus recursos demonstrados precisam cobrir todas as suas despesas educacionais enquanto na Austrália, limitados aos primeiros doze meses. Isso é evidenciado pelo CoE comprovando que você já pagou o curso integralmente

Qualquer montante não pago mostrado no CoE será adicionado ao custo de vida, por exemplo em casos em que a emissão do CoE for posterior à data de comprovação de evidências financeiras. Nesse caso, a imigração australiana entende que parte de suas disponibilidades financeiras foram utilizadas para pagamento do curso

3– Custo de Viagem

Você precisa comprovar que possui recursos suficientes para o pagamento da sua viagem de ida e volta para a Austrália. Isso pode ser comprovado através de:

  • Fundos equivalentes a este custo ou
  • Bilhetes aéreos emitidos.

Não é recomendada a compra de bilhetes aéreos antes da concessão de visto. É recomendado que sua compra de passagem aérea seja feita apenas após a concessão do visto de estudante. Reservas de vôos não são aceitas como evidência de acesso a recursos para cobrir custos de viagem e, por isso, não devem ser anexadas a sua aplicação.

4 – Custo de Vida na Austrália – Requerente Desacompanhado

Você precisa demonstrar fundos suficientes para cobrir os custos de manutenção do requerente na Austrália por todo o período de estadia ou, quando o curso for mais longo que 12 meses, pelos primeiros doze meses de permanência. O montante é de AUD$18610 por ano, ou, AUD$1551 por mês de permanência na Austrália (A permanência é contada através da validade do visto de estudante concedido)

Este valor aumentará caso os custos educacionais não tenham sido pagos integralmente.

5 – Custo de Vida na Austrália  – Requerente Acompanhado

Caso você possua algum dependente no seu visto é necessário listar todos os seus dependentes em seu requerimento antes da aplicação. Caso os dependentes não sejam incluídos o visto pode ser recusado ou o dependente pode não ser aceito na sua aplicação posteriormente.

Dependentes são apenas filhos ou dependentes legais, menores de 18 anos, cônjuges, ou parceiros de fato (incluindo relacionamentos entre parceiros do mesmo sexo).

Caso possua um dependente na sua aplicação é necessário apresentar evidências que comprovem que você possui fundos suficientes para sua manutenção e a manutenção de seus dependentes na Austrália.

Os custos para dependentes seguem uma proporção dos custos para o requerente principal e devem ser incluídos aos custos de manutenção do aplicante principal da seguinte forma:

  • Requerente principal:
  • Primeiro dependente:
  • Segundo dependente:
  • Terceiro dependente:
  • Dependentes seguintes:

100% do custo de vida
+35% do custo de manutenção do requerente principal +20% do custo de manutenção do requerente principal +15% do custo de manutenção do requerente principal +15% do custo de manutenção do requerente principal

6 – Custo Escolar – Dependentes em Idade Escolar

Caso possua algum dependente em idade escolar em sua aplicação você precisa evidenciar fundos suficientes para cobrir as despesas escolares e fazer o pagamento de pelo menos um semestre da escola do dependente na Austrália.

Caso o dependente acompanhe o requerente principal para a Austrália, o requerente PRECISA fornecer evidências de fundos equivalentes a AUD$8.500 por ano. Você precisa pagar o equivalente a $4750,00 dólares para cada dependente. Este valor irá garantir uma vaga em uma escola pública na Austrália por um semestre.

Se o dependente não estiver o acompanhado para a Austrália, você precisará fornecer evidência de fundos para manter o dependente no Brasil em relação às despesas escolares.

7 – Evidência e Origem dos Recursos Financeiros

O requisito financeiro somente é atendido se a evidência apresentada for aceitável, lícita e genuína.

Os tipos de evidências ACEITÁVEIS e as INACEITÁVEIS estão listados no documento “Evidências de Capacidade Financeira” (em anexo).

A seguinte lista descreve os fatores considerados durante a análise se evidências são genuínas:

  • O período no qual os fundos foram acumulados e o histórico de poupança
  • O histórico profissional do requerente ou patrocinador
  • O histórico de impostos do requerente ou patrocinador
  • A renda e bens do requerente ou patrocinador
  • A fonte de renda utilizada para atender ao requisito financeiro (por exemplo, fundosdisponíveis ou um empréstimo pessoal)
  • Se o requerente estiver dependendo de fundos fornecidos por um patrocinador, a natureza,duração do víncluo da relação entre o requerente e o patrocinador, e
  • Caso o requerente já tenha um requerimento de visto, se houve mudança de patrocinador porparte do requerenete.

Se as evidências de fundos forem consideradas incompatíveis com a renda, o requerente PODE ser recusado.

Durante a consideração de contas bancárias, o oficial avaliará se os fundos estarão disponíveis para o requerente.

Quando forem utilizadas contas empresariais É OBRIGATÓRIO que todos os sócios da empresa forneçam declarações individuais de suporte financeiro confirmando o acesso aos recursos da empresa pelo requerente.

8 – Outros Bens

Propriedade NÃO é aceita como evidência de acesso a fundos. Isto inclui certificados de propriedade de imóveis, veículos, empresas, ações, montantes vinculados a fundos de aposentadoria, disponibilidades financeiras em espécie e jóias.

Certificados de propriedade, mesmo que sob custódia de bancos, NÃO são considerados evidências financeiras aceitáveis.

9 – Empréstimos Pessoais

NÃO É RECOMENDADO que o requerente busque empréstimos pessoais para satisfazer aos requisitos financeiros com o objetivo do visto.

Empréstimos pessoais usados pelo requerente como evidências de acesso a fundos PRECISAM ser emitidos para o requerente ou seu patrocinador.

Limites de crédito pré‐aprovados serão geralmente tratados como empréstimos pessoais para requerimentos de visto de estudante, sendo assim, sua utilização não recomendáveis.

Cartões de crédito NÃO são aceitos como evidências de acesso a fundos para requerimento de visto de estudante e, por isso, não devem ser anexados ao requerimento.

Informações adicionais podem ser encontradas em Inglês no site da imigração

Subclasse 570 ‐ http://www.immi.gov.au/students/students/570‐2/financial.htm Subclasse 572http://www.immi.gov.au/students/students/572‐2/financial.htm

Requerentes brasileiros para as subclasses 571 (Intercâmbio e Ensino Médio), 573 (Ensino Superior, Bacharelado e Especialização), 574 (Mestrado e Doutorada) NÃO PRECISAM fornecer evidências de capacidade financeira, porém PRECISAM assinar e datar o item 45 do Formulário 157A.

Documentos Aceitos pela Embaixada

Evidências de Capacidade Financeira

Evidências

Aceito

Comentários

Extratos bancários de conta – 90 dias. (Extratos de conta corrente). Podem ser documentos individuais.

Sim

Documentos recentes,
mostrando a movimentação
dos 90 dias anteriores ao envio do requerimento.

Extratos bancários de poupança – 90 dias. (Extratos de conta poupança). Podem ser documentos individuais.

Sim

Fundos de investimentos – Ligados a títulos do governo (CDB Referenciados DI, Renda Fixa) – 90 dias. Podem ser documentos individuais.

Sim

Documentos Inaceitáveis

Evidências

Aceito

Comentários

Saldos bancários – (Saldo de conta corrente)

Não

Se estas evidências
forem enviadas, não
serão consideradas
para a análise financeira.
O requerimento PODE
ser recusado devido a
ausência de comprovação
de recursos disponíveis aceitáveis.

Saldos bancários de poupança – (Saldo de conta poupança)

Não

Fundos de Investimentos – Ligados a benefícios de aposentadoria (Previdência privada, FGTS)

Não

Fundos de Investimentos – Ligados a ações e mercados voláteis (Ações, Multimercados, Cambiais)

Não

Propriedades – Ações e títulos do governo (Ações e títulos da dívida pública)

Não

Propriedades – Imóveis, veículos e joias

Não

Disponibilidade em espécie – em BRL$ ou compra de moeda estrangeira

Não

Solicite Orçamento 160×160
SHARE
Previous articleEtiqueta à Mesa Australiana
Next articlePontos Turísticos da Austrália
Jerry Strazzeri
Jerry Strazzeri vive na Austrália com sua esposa desde 2006. Trabalha como Analista Digital na Austrália já tendo trabalhado em empresas no Brasil e Estados Unidos. Cidadão Australiano, junto com seu trabalho está concluindo uma graduação em Leadership. Junto com sua esposa Michelle, foi responsável por diversos sites na área de educação e TI e criaram o Brazil Austrália em 2006 para ajudar aqueles que estavam imigrando ou vindo estudar na Austrália. "Mas eu e a minha família serviremos ao Senhor" ~ Josué 24:15 Veja meu outro blog - Siga-me no Quora

6 COMMENTS

  1. Minha intenção e ir para Austrália, mas vejo que está cada vez mais difícil e burocrático conseguir ir legalmente, talvez quando chegar minha vez eu nem consiga ir por que cada hora fica muito caro fazer o intercambio.
    Estou ainda fazendo minha poupança para poder ir mas do jeito que dolar aumenta o preço acho que não vou alcançar o necessário para ir hahaha… e ruim ser pobre …

  2. olá, gostaria de saber se é obrigatório comprar passagens de ida e volta para quem vai estudar na Austrália e não sabe exatamente quando volta.

  3. Boa noite.
    Jerry/Michele, eu pretendo ir pra Australia fazer pós graduaçao. Se eu conseguir o visto e comprovar que tenho recursos suficientes para passar 1 ano.. Beleza. Mas se eu conseguir um trabalho na Australia e puder pagar a pós, eu posso cancelar os recursos com os meus dependentes ou nao ? Eu li outro dia que se você for estudar pós graduaçao, você poderá estudar mais de 20hrs semanais, se eu estiver errado, corrija-me.
    Eu pretendo ir daqui uns 5 anos, vai demorar, mas é melhor se preparar kkk. Curso de inglês ja comecei.
    Obrigado pela resposta, abraço. Espero um dia nos encontramos por ai kkk.

  4. Olá!! A paz,primeiramente parabéns pelo blog!
    Tem nos ajudado muito!!
    Meu marido e eu ficamos muito felizes por encontrarmos o blog de vcs cristãos…
    Bom, nos temos muita vontade de irmos para a autralia estudar,e se tudo der certo morarmos ai,
    Mas temos muitas duvidas sobre qual a melhor maneira pra irmos, vcs poderiam nos indicar uma boa agencia dai que nos poderiamos entrar em contato?!
    Desde ja nosso muito obrigado!

  5. Olá Jerry

    Foi dito que “Requerentes brasileiros para as subclasses 571 (Intercâmbio e Ensino Médio), 573 (Ensino Superior, Bacharelado e Especialização), 574 (Mestrado e Doutorada) NÃO PRECISAM fornecer evidências de capacidade financeira,”. E que as evidências financeiras são necessárias apenas para as subclasses 570 e 572.

    TEM CERTEZA DISSO???
    Essa mudança é recente?

    Obrigado pelas dicas!

    Abraço

LEAVE A REPLY