Connect with us

Brazil Australia – Estudar e Trabalhar na Austrália

Por Que o Blog Existe

Vida na Austrália

Por Que o Blog Existe

Quando cheguei aqui na Austrália em 2006 logo comecei a perceber a vida do brasileiro que vinha pra cá como estudante. De fato, muito do que via aqui nada tinha a ver com alguns dos depoimentos do falecido Orkut sobre a vida na Austrália, que ainda assim era muito boa, mas bastante diferente em vários aspectos do que se dizia por ai. Na época criei um tópico em uma das comunidades sobre o trabalho na Austrália. Em pouco tempo o post se tornou um dos mais populares com dezenas de pessoas que viviam aqui acrescentando novas informações.

O que escrevi no post, naquela época, é que os brasileiros estavam chegando aqui formados em direito, economia, administração e até medicina e estavam trabalhando limpando casas e escritórios, ajudando na cozinha, ralando na obra e que este tipo de trabalho não era fácil. Disse também que uma vez como estudante aqui não era fácil conseguir um emprego na sua área, como por exemplo como desenvolvedor de software, economista ou qualquer trabalho que exigisse e aproveitasse a qualificação superior.

De fato, eu acabei conseguindo, Graças a Deus, mas também na época me desesperei, pois sabia que não ia conseguir passar muito tempo entregando pizzas ou fazendo qualquer serviço que não utilizasse os skills que levei tantos anos para desenvolver. Em poucos meses arrumei um emprego de Web Designer, logo em seguida fui promovido para programador PHP e alguns meses depois para gerente.A partir daí, pela graça de Deus, fui passando para outras empresas, todas que me concederam o sponsor e de uma maneira engraçada, justamente quando me tornei Permanent Resident não estava mais trabalhando na Austrália e sim nos EUA.

Contudo, nestes 6 anos aqui vi de tudo o que se pode imaginar. Coisas boas e coisas ruins acontecendo na comunidade brasileira. Mas por ser uma pessoa bastante atenta aos fatos, sempre prestei atenção em cada situação e em cada aspecto da vida aqui com o objetivo de ajudar os brasileiros que vem para cá a não cairem nos mesmos erros que vi tanta gente caindo, na maioria das vezes spor falta de informação, outras por falta de disciplina ou caráter.

A ajuda vai desde aspectos simples como a escolha de um curso, ou do lugar para morar, até problemas mais sérios que muitas vezes brasileiros enfrentam aqui. Já ajudei gente com problemas na justiça, gente com problemas no emprego, gente com problemas de saúde e até financeiramente gente com problemas de dinheiro. Tudo isso voluntariamente, ou como costumam dizer no Rio de Janeiro, tudo 0800. Sem custo, apenas para dar uma força para os brasileiros que chegam por aqui.

Também nunca julguei ou entrei no blog em particularidades que muita gente que diz de boca cheia que está bem como estudante na Austrália não conta, por exemplo que trabalham ilegalmente mais que as 20 horas permitidas por semana, o que aqui, mais que uma simples malandragem, é considerado crime. Mas nunca entrei nestas questões menores, pois nunca vi nelas tamanha importância.

Por outro lado, entrei na questão das drogas, depois de ver desde meu primeiro dia aqui brasileiros vendendo drogas nas escolas, desde meu primeiro ano aqui recebendo emails de brasileiros pedindo ajuda por que tinham sido presos ou chamado a corte por que foram pego com drogas, até hoje ajudando familiares de brasileiros aqui que tiveram seus filhos presos ou sofrendo qualquer problema na justiça aqui e que me escrevem pedindo uma força.

Por isso viro no blog e falo para a pessoa não usar droga aqui, respeitar as leis australianas, não se envolver com certas pessoas, tudo isso para poupar a pessoa de uma boa dose de problemas que já vi muitos brasileiros passarem.

Quando você vê, como eu vi, um brasileiro de 21 anos, de boa família, curtindo a vida na Austrália, levando uma vida legal e sendo condenado à 10 anos de prisão por uma besteira, você emite o alerta procurando poupar os demais. Quando você já teve um bom número de amigos e colegas sendo deportados por situações consideradas bobas no Brasil, você tenta avisar para que outros não façam o mesmo.

Entrei na questão da prostituição, pois desde meu primeiro mês aqui vi meninas super gente boa com quais estudava entrando na furada de trabalhar em casas de massagem ou qualquer outro emprego que denigre a vida de qualquer mulher. São a maioria? Claro que não, de fato são uma pequena minoria, mas que luto para que deixe de existir, pois também vi um número ainda maior de mulheres que chegaram aqui determinadas, estudaram, se dedicaram e conseguiram tudo o que queriam aqui de uma maneira honesta e honrada.

Quem já me escreveu em meu email durante estes 6 anos de blog poderia confirmar. Pais pedindo ajuda com filhos com problemas na justiça aqui, estudantes precisando de emprego, gente querendo trabalhar na sua área de especialidade, mas que não via por onde, gente sem dinheiro para vir para cá pedindo uma dica e até gente que conheci através do blog que me liga pedindo dinheiro emprestado e que de bom grado, sempre que possível, tentei ajudar.

Falo de questões como Homestay, cursos, custo de vida, trabalho e outras coisas com o objetivo de preparar as pessoas que vem para cá para conseguiram tirar o melhor da vida aqui. Muitas destas coisas que nunca vi nem li em nenhum lugar antes de vir pra cá.

É que as pessoas que moraram aqui (principalmente como estudantes) não tem tempo nem paciência na maioria das vezes para lembrar e contar o que já passaram para ajudar os outros. Por isso muitas vezes através da experiência deles tento ajudar que visita o blog. A menina que chegou aqui há dois anos como estudante não lembra que a colocaram numa Homestay no fim do mundo e seu primeiro mês aqui foi um terror de tanto que ela precisava andar e viajar para chegar em casa. Ela não lembra, mas eu lembro, pois foi pra mim e pra Michelle que ela veio chorando pedindo ajuda. Ou a menina que foi trabalhar no restaurante indiano e foi agarrada a força pelo patrão quando foi tirar o lixo. Ai baseado nisso e em outras experiências dou dicas sobre como escolher a Homestay para que a agência não lhe venda qualquer porcaria e você passe um primeiro mês “menos divertido”aqui.

Falo de questões de namoro, pois já vi diversos casos semelhantes aqui, em que o cara junta dinheiro com a vó, a mãe, o tio, pega empréstimo, trabalha que nem um louco para mandar a namorada primeiro e ele vir depois quando juntar mais dinheiro e no primeiro dia aqui, e às vezes, ainda no avião vindo para a Austrália (e isso é verdade), a menina conhece outra pessoa e dá um pé em cheio no namorado que fez de tudo para mandá-la pra cá.

Eu vi pessoalmente vários destes barracos, alguns que chegam a parar na polícia quando o namorado aparece por aqui. Já vi meninas que largaram emprego, família, faculdade no Brasil para vir pra cá conhecer o amor da sua vida que conheceram pela internet e a mesma menina voltar pro Brasil num avião pago de favor pelo governo australiano dois dias depois por causa do que ela passou aqui. Ai, vendo uma história desta ou semelhante, sempre aconselho a quem me escreve vindo para cá em situações semelhantes a fazer as coisas com calma.Vir pra cá sim, mas planejar, não ir com tanta sede ao pote e ver como as coisas caminham por aqui.

Já vi agência de estudante vender curso técnico para brasileiro que mal tinha inglês, só por que era a única coisa que o cara podia pagar e ao chegar aqui o curso não aceitar o aluno em classe e ele ter que correndo pegar empréstimo em tudo que é lugar para se matricular em um curso de inglês e agência largar o cara na mão. Por isso sempre passo várias dicas para que a pessoa já vá à agência de estudantes preparada para não entrar em furada.

Já vi um número enorme de brasileiros ser deportado pelas menores coisas e voltarem ao Brasil dizendo que simplesmente decidiram voltar. Sinceramente eu também não assumuria se fosse deportado, pois é uma situação chata, mas o cara acaba passando só as boas impressões que teve aqui e não passa todos os sufocos que enfrentou, inclusive ao ponto de ser mandado embora do país sem poder voltar por 3 anos.

E por estas e outras, são justamente algumas agências de estudantes que são os únicos que odeiam este blog, pois ele prepara a pessoa a não cair em furadas. Ai quando ele chega na agência para comprar um curso e uma homestay e o agente fala que a homestay fica em Bankstown o cara vira e fala para ele arrumar outra por que ele leu no blog do Jerry que Bankstown é longe pra caramba sa city, é um bairro menos seguro e ele aparece ali já com a lista de bairros onde ele pretende morar.

Este é o poder da informação. É como um amigo que chegou aqui e eu falei um negócio simples pra ele, que ele nunca leu em nenhum lugar, nunca ninguém falou pra ele (nem ia falar) e esta pequena informação, para ele que estava no 457 aumentou o salário dele em $12000,00 dólares por ano. Uma informação sobre um direito que ele tinha e não sabia. Assim como fiz com ele fiz com diversas outras pessoas.

Ai chega que nem um cara que vi semana passada que disse que ama a Austrália e não aceita que ninguém critique nada aqui. Ai eu pensei. Bom, você ama a Austrália??? Então me mostra sua declaração do imposto de renda! Ahhhh… Você não tem, por que você trabalha no Cash Hand  não declarando no imposto o dinheiro que você ganha. Ahhhh… Você ama a Austrália, então por que você trabalha mais do que 20 horas por semana permitidos e desrespeita a lei do país Você não ama a AUSTRÁLIA, você ama o seu umbigo e a vida que você tem aqui que nõa tinha no Brasil, mas não me venha falar que você ama a Austrália.

Eu amo a Austrália! Seja ajudando os australianos como voluntário na igreja, seja ajudando os brasileiros a vir pra cá e agir de acordo com as leis no país, seja pagando meu imposto, seja contribuindo para a economia do país, pois não trabalho na Austrália, e todo dinheiro que ganho lá fora, trago para economia daqui e pago impostos aqui. Então meu amigo, não venha me dizer que você ama a Austrália por que você só ama você. O dia que a Austrália deixar de te oferecer tudo isso ou se você ao aplicar para a residência tiver seu pedido negado vamos ver para onde vai este amor.

Mas voltando ao ssunto das agências, assim como este existem vários outros blogs sobre a Austrália hoje bastante informativos, ai o dono da agência vê que as vendas dele cairam e ele numa analogia ignorante acha que foi por causa dos blogs. O cara não consegue fazer uma conta simples e entender que o dólar Australiano está forte, mais do que o dólar americano, que o custo de vida na Austrália está mais alto, que o custo de um curso de inglês nos EUA está muito mais barato que na Austrália isso sem falar da passagem, que os EUA estão facilitando muito o processo de liberação de vistos pro Brasil, que a economia brasileira está melhorando e muitas pessoas estão bem empregadas e não consideram mais sair do páis, pelo menos no momento. Só que o cara não consegue percerber isso.

O que este e vários outros blogs fazem é ajudar o brasileiro que vem pra cá a não jogar dinheiro no lixo, por exemplo comprando um seguro saúde extra de 800 dólares que as agências tentam empurrar, ou pagando bem mais para morar em uma homestay no fim do mundo quando por muito menos ele pode morar em uma shared perto da escola, ou inclusive deixar de comprar qualquer curso podre só por que é o curso que a agência quer vender. Isso este e tenho certeza que todos os outros blogs vão continuar fazendo.

No caso de alguns poucos estudantes, os que se deram bem por aqui e não voltaram para o Brasil, muitas vezes esquecem os sufocos que passaram. É como o cara que veio pra mim desesperado dizendo que não aguentava mais trabalhar limpando chão, que ele e a esposa estavam brigando todo dia, que ela queria voltar para o Brasil e que ele estava desesperado por um emprego na área. Ai eu vou lá, gasto dias do meu tempo pegando o cara literalmente no colo e colocando dentro da empresa, falando com meus contatos aqui, preparando o currículo do cara, pedindo favores para amigos para 1 mês depois o cara falar que foi tudo mérito próprio e que a vida dele na Austrália é muito boa. Contudo, este tipo de atitude nunca me impediu de dar uma mão para quem precisa (Quando eu posso).

Pra terminar, o blog é e sempre foi gratuito. Nunca ganhei um centavo com o blog, muito pelo contrário, ele sempre me custou. Poderia ganhar muito dinheiro aqui de diversas maneiras, inclusive tenho 3 emails de agências de estudante internacionais (não brasileira) querendo anunciar no blog e até agora não tive tempo nem de responder. Graças a Deus tenho meu trabalho que Deus me proveu e não preciso ganhar dinheiro com o blog. Até gostaria se fosse possível, mas nunca fui atrás disso. Faço o blog como uma ferramenta para facilitar a vida de quem vem pra cá, principalmente como estudante, pois estes são justamente os que enfrentam as maiores dificuldades.

Que a a Austrália é um país maravilhoso, ninguém duvida disso, se não fosse por isso eu não teria gasto meu tempo escrevendo um post intitulado O Melhor País do Mundo justamente sobre a Austrália, ou Sua Profissão não Está em Demanda em que eu incentivo mesmo aqueles que não tem a profissão em demanda na Austrália a virem para cá, ou ainda de bairros como Dee Why ou Manly Beach em que exalto a maravilhosa qualidade de vida que se tem na Austrália.

O que acontece é que infelizmente eu tenho que dar a notícia ruim, por que muita gente vai para agência, compra o curso e não tem a menor idéia do que esperar. Eu odeio tanto fazer isso que quando algumas pessoas me escrevem com informações totalmente incorretas eu nem respondo para não deixar a pessoa decepcionada. É como algumas famílias com filhos de 5, 6 anos que me escrevem dizendo que vem pra cá como estudante e que vão colocar os filhos em colégio público por que é de graça. Esta pessoa não sabe que colégios públicos são apenas para residentes australianos. Estrangeiros, sejam estudantes ou residentes temporários tem que colocar o filho em colégio particular que custa em média $1500,00 dólares por mês. Uma creche aqui então custa entre $80 e $120,00 dólares por DIA e você tem que pagar mesmo durante as férias.

Agora, eu deixo a pessoa chegar aqui com 2 filhos de 4 e 6 anos, com pouco dinheiro, matriculados em um curso de inglês e aqui descobrir que vão ter que ficar em casa cuidando dos filhos ou arrumar $250,00 dólares por dia para deixar os dois filhos das 9 da manhã às 4 da tarde na creche ou escola, ou aviso e os poupo de uma enorme dor de cabeça? Por que as agências não contam isso. A agência está lá para fazer o papel dela que é vender o curso e ganhar dinheiro e estão certos disso, pois é o trabalho deles, mas não é por que a agência não fala algo que a pessoa tem que chegar aqui e ter uma desagradável surpresa.

Quem é inteligente lê, entende, aproveita as coisas que possam lhe ser úteis e se adaptam para obter o melhor da vida aqui, para estas pessoas o blog é feito, quem não é, geralmente vê tudo preto no branco, não tem meio termo e já possui seus próprios conceitos. Vejo muitos destes voltando pro Brasil depois de alguns anos inventando todo tipo de desculpa.

Espero que este e outros blogs continuem ajudando os brasileiros que pretendem vir pra cá a se preprarar e obter o melhor que este país extraordinário tem para oferecer.

Continue Reading
Advertisement
You may also like...
36 Comments

36 Comments

  1. Gabriel

    July 18, 2012 at 8:56 pm

    Cara sou fascinado no teu blog, acompanho ele faz pouco tempo mas percebo que ele é de grande qualidade principalmente por tratar de um assunto que me interessa bastante: Áustrália.

    Eu sou de Porto Alegre, Brasil e sempre tive o sonho de quando for adulto ir morar em outro país, sou tecnicamente novo (14 anos) e sei que até eu ser adulto muita coisa vai mudar principalmente na minha forma de pensar mas o meu objetivo para minha vida no momento é ir pra Áustrália e residir nela.

    Gostaria muito de poder entrar em contato contigo pois eu adoro teus textos e tudo que você fala sobre a Áustrália no seu blog por isso gostaria de algumas dicas, conselhos e tudo que você pudesse me oferecer sobre esse assunto pois por mais que esse possa ser um sonho passageiro, eu estou levando isso bem a sério e gostaria muito de uma ajuda sua.

    O teu blog é um dos meus favoritos e eu te parabenizo por fazer textos tão interessantes e espero que continue nessa mesma qualidade.

    Obrigado pela atenção e por favor caso não se importe me adicione no msn: gabriel_18111997@hotmail.com, queria muito entrar em contato contigo. Abraços.
    Gabriel

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:17 am

      Olá Gabriel

      Obrigado pela visita e pelo comentário.

      Você parece ser um garoto que apesar de jovem, sabe bem o que quer e é determinado. Continue assim. Aproveite as oportunidades que lhe aparecem nesta mesma determinação e honestidade e certamenete tudo dará certo para você.

      Recebi seu email, mas estive bem ocupado nas últimas semanas, mas vou respondê-lo ainda esta semana.

      Obrigado pelo comentáriio e pela visita.

      Abraços

  2. Fernando

    July 18, 2012 at 9:35 pm

    Jerry, mais uma vez parabéns pelo post.

    Eu como leitor assíduo deste blog, sempre referenciei seu trabalho nas minhas discussões sobre meu projeto de ir estudar na Austrália.

    Só de ler alguns posts deste blog e trocar informações com pessoas de outros blogs pude facilitar minha ida para a Austrália no quesito financeiro e praticidade.

    Confio até certo ponto na agencia que preparou tudo, pois se que vão me ajudar até certo ponto…

    Fui em uma palestra da agencia que fechei minha viagem e a gerente da agencia queria me “matar” ao final da palestra. Eles vendem a ideia da Asutralia como o país que vai mudar sua vida pra sempre…E não é bem por ai…

    Na escolha do curso, a agencia tentou me empurrar uma escola alegando que o “custo benefício” era o melhor possível, e que a escola era isso aquilo e aquilo outro…Mais eu já com informações de cursos e escolas que venho pesquisando a 3 anos…Questionei sobre a escola que atualmente estou matriculada e tinha excelentes referencias dela, me disseram que era bem mais cara e que iria ficar mais cara a minha viagem, pedi então pra fazer um orçamento, ao receber o orçamento vi que a escola tinha uma excelente promoção e acabou ficando 1000 reais mais barato que a escola que tentaram me vender…

    Quem não tem acesso a informação infelizmente acaba caindo no conto das agencias, e muitas vezes acontecem esses casos que vc presenciou e citou pra nos alertar.

    Admiro sua iniciativa e contribuição a “nós” esse publico que depende de uma informação…E como você são poucos…Muitos são aqueles que vão pra Austrália, passam um perrengue mais querem ostentar pelo facebook a vida de playboy que leva por morar no EXTERIOR…Agora como você que procura abrir os olhos de quem está planejando, a repensar seus planos, buscar outras alternativas, se preparar mais do que já está pra que a experiencia possa ser a melhor possível realmente são pouco.

    Espero que muitos que visitam seu blog possam tirar algo de positivo dele pois realmente tem muito a oferecer aqueles que necessitam de informação.

    Que Deus te abençoe e continue trabalhando na sua vida.

    Dia 07/08/2012 desembarco na Austrália, e meu sonho se realiza.

    Abraços

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:16 am

      Olá Fernando

      Agradeço o Comentário, foi muito importante e informativo para o blog.

      É isso mesmo, as agências geralmente não gostam de gente bem informada como você, pois eles não conseguem vender as besteiras nas quais eles possuem maior margem. Espero que mais estudantes que vestão vindo para cá façam como voc6e, pesquisem bastante e não caiam nas furadas das agências.

      Que Deus abençoe muito sua viagem e seu tempo aqui e aproveite bastante.

      Um grande abraço

      Jerry

  3. Antonio

    July 18, 2012 at 10:42 pm

    ” É como um amigo que chegou aqui e eu falei um negócio simples pra ele, que ele nunca leu em nenhum lugar, nunca ninguém falou pra ele (nem ia falar) e esta pequena informação, para ele que estava no 457 aumentou o salário dele em $12000,00 dólares por ano. ”
    Isso ai se chama LAFHA. Pena que vai acabar em Outubro…. =(

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:14 am

      Olá Antoni

      É isso mesmo. O LAFHA acaba em outubro e pelo que ouvi tem um monte de profissional desistindo de vir pra cá no Sponsor por causa disso.

      Valeu

      Abraços

  4. Sophia

    July 19, 2012 at 7:12 am

    Olá Jerry,

    Acompanho os seus posts há algum tempo e gostaria de parabenizá-lo pelo site, pelo cuidado e pela atencao que voce dá aos seus leitores.

    Tenho uma dúvida em relacao ao seguro saúde que voce citou… Estou indo para a Austrália em Setembro e agencia que fechei o meu curso me disse para além de pagar o seguro saúde obrigatório, para adquirir um bem mais caro que cobre médico, dentista e todo tipo de medicamento. Poderia me dizer o que pensa a respeito?
    Estou achando muito caro esse pacote oferecido e nao gostaria de gastar esse dinheiro a toa.
    Me ajuda???

    Agradecida e mais uma vez parabéns por ajudar as outras pessoas!! :]

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:13 am

      Olá Sophia

      Obrigado pela mensagem.

      Tente se informar melhor sobre a empresa do seguro extra que eles tentam vender.

      O seguro de saúde obrigatório cobre 100% das emergências e grande parte dos tratamentos e consultas que você fizer aqui. Estes seguros viagens na maioria das vezes são bastante burocráticos e não compensam, uma vez que eles acabam cobrindo a mesma coisa que o seguro obrigatório, sem acrescentar nada.

      Pessoalmente eu ficaria apenas com o seguro obrigatório, mas é uma decisão pessoal. COmpre apenas o que você achar necessário e nao o que a ag6encia tentar te impor.

      Um grande abraço

  5. Victor Cahú

    July 19, 2012 at 6:49 pm

    Olá, Jerry!

    Conheci o seu blog essa semana, quando resolvi correr atrás do meu projeto de emigrar para a Austrália e posso já dizer que estou impressionado com a qualidade do texto, a clareza da informação, e, claro, com a sua boa vontade e dedicação em nos passar tantas informações essenciais. Moro em Portugal há dois anos, já morei na Espanha e duas vezes nos Estados Unidos, e por isso posso dizer que estou um pouco “acostumado” com os “perrengues” do processo, e com certeza é sempre complicado o principio da jornada independente do novo lugar para onde se quer ir, e muito do que você conta por aqui acontece também em todos os países.

    É um sonho antigo meu o de terminar essa minha jornada de viajante na Australia e espero poder consegui-lo em breve. Com as leituras dos teus textos já percebi que o meu preparo inicial terá que ser um pouco maior, mas me sinto ainda mais inspirado com a possibilidade de chegar ai.

    Pude perceber também que você sempre menciona os e-mails que recebe das pessoas com tantas perguntas sobre os diversos assuntos, bem como os casos vividos que você pode presenciar. Tendo em conta isso, e se você me permite fazer uma sugestão, acredito que seria muito útil talvez no futuro escrever alguns posts com as “Perguntas mais frequentes” (FAQs) dos seus leitores. Seria sensacional para todos nós, e provavelmente mais prático para você!

    Continuarei sempre seguindo os seus posts por aqui (virei fã!), e gostaria de deixar aqui também o meu MUITO OBRIGADO por seu trabalho. É sem dúvida um exemplo a ser seguido por outros brasileiro espalhados pelo mundo.

    Um abraço!

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:11 am

      Olá Victor

      Esta é uma excelente sugestão. Obrigado pela dica, Já tinha pensado há um tempo colocar uma área no site onde responderia as dúvidas publicamente, pois as dúvidas de alguns quase sempre são as dúvidas de outros.

      Vou fazer isso assim que possível.

      Abraços

      Jerry

  6. Cristina

    July 20, 2012 at 3:53 am

    Tenho 48, leio blogs de diversas partes do Planeta para abrir a cabeça. Passei a valorizar ainda mais meu “naco” do Brasil – o leste paulista. O povão fala deste país como um bloco indissolúvel, todavia cada região é peculiar.
    Só posso opinar sobre um raio de cerca de 300 a 400 km em meu entorno (dentro de São Paulo e Minas). Usando o cérebro, todos poderemos viver razoavelmente bem por estas bandas.
    Relacionado ao leste paulista, o IDH costuma ser elevado para a maioria das cidades (interioranas), o SUS funciona suficientemente bem e os planos de saúde não são exorbitantes; a segurança é satisfatória e temos universidades federais e estaduais suficientes, inclusive à distância.
    Terminei Especialização à distância na “Universidade Federal de São João del Rei” em maio e já estou matriculada num curso de Extensão Universitária pela “Universidade Federal de Brasília”.
    Êta Brasilzão!!!
    Grata por este “Documentário”!
    Cri.

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:09 am

      Olá Cristina

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços

  7. Gabriel

    July 20, 2012 at 5:11 pm

    Cara, mais uma vez parabéns
    você é um gênio
    escreve bem demais e tem muita paciência para ajudar a todos
    eu queria ter essa mesma disposição que você tem

    Eu moro em Sydney há 8 meses e é impressionante como você descreve perfeitamente bem a realidade daqui

    Seu blog deveria ser de leitura obrigatória a todos os brasileiros que planejam vir para a Austrália

    Parabéns!

    • Isabela

      July 21, 2012 at 9:11 am

      Também acho, Gabriel.
      O Jerry é daqueles que fazem a diferença. =)

      • Jerry

        July 24, 2012 at 12:08 am

        Muito Obrigado Isabela

        Abs

        Jerry

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:09 am

      Oi Gabriel

      Obrigado pelo elogio, mas certamente não sou gênio…rs. Só tento ajudar na medida do possível para quem vem pra cá não cair em furadas e aproveitar o melhor possível da Austrália.

      Legal que já está aqui em Sydney ahá tanto tempo.

      Um grande abraço pra você

  8. Eduardo

    July 21, 2012 at 6:27 pm

    Não se trata apenas de um Blog. Este é o melhor material ou se preferirem manual para quem quer vir ou para quem, como eu, já está na Australia.

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:08 am

      Olá Eduardo

      Obrigado pelo comentário.

      Abraços

      Jerry

  9. Camila Mandu

    July 22, 2012 at 11:02 am

    Olá Jerry,

    E eu e meu noivo acompanhamos seu blog alguns meses, e gostamos muito de suas dicas. Reconhecemos que você auxilia muitas pessoas nessa fase de ” mudança” para a Austrália. Venho a você solicitar algumas dicas para o nosso planejamento, lhe encaminhei um e-mail, se puder nos ajudar ficaríamos agradecidos!!!!

    Obrigada!!!

    E parabéns pelo seu Blog!!!!!

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:07 am

      Olá Camila

      Eu estive sem tempo para responder os emails nas últimas 3 ou 4 semanas, mas vou fazer isso este final de semana sem falta e certamente respondei o seu. Vou procurar e lhe respondo.

      Obrigado pelo comentário

      Abs

  10. Lucas

    July 23, 2012 at 12:19 pm

    Olá Jerry

    Parabéns pelo blog!!! te enviei um e-mail com algumas duvidas!!

    Obrigado..

    • Jerry

      July 24, 2012 at 12:05 am

      Olá Lucas, Obrigado pela mensagem.

      Eu estive sem tempo para responder os emails nas últimas 3 ou 4 semanas, mas vou fazer isso este final de semana sem falta e certamente respondo o seu.

      Abs

  11. Pamela

    July 25, 2012 at 3:49 am

    Ola Jerry!

    Mais uma vez, excelente post. Indico para todo aqueles que tem intencao de vir pra ca o seu blog. E bacana porque vejo que voce e sua esposa tem as mesmas ideias que eu tenho, alem disso, sempre procuro ajudar tambem os outros com informacoes verdadeiras e nao ficar fantasiando como as agencias fazem com os estudantes sonhadores. Ja passei maus bocados por aqui por falta de informacao.
    PS: Acho que as agencias que vendem cursos te odeiam! hauhauaha Brincadeira!
    Abracos,

    Pamela

    • Jerry

      July 25, 2012 at 8:00 am

      Oi Pâmela

      Obrigado pelo comentário.

      Fico feliz que você também procura ajudar quem está vindo pra cá sendo verdaira. Continue assim

      Quanto àa agências. Eu tenho certeza. Certamente muitas agências me odeiam mesmo, mas o dono de agência que for honesto, sincero que quer ganhar seu dinheiro honestamente e for esperto vai acabar vendo no blog un aliado, pois ele acaba levando indiretamente as pessoas para as agências corretas.

      Uma vez um agente me escreveu falando que eu estava prejudicando o trabalho dele. É o mesmo que um vendedor de carros com problemas falar que eu prejudico o trabalho dele por que peço para os compradores levantarem o capô e olharem o motor.

      Mas é assim mesmo. Espero que surjam mais agências que vejam o blog como um aliado e não um inimigo…rs

      Obrigado pela mensagem.

      Um grande abraço

      Jerry

  12. Farah

    July 25, 2012 at 9:56 pm

    Jerry,
    parabéns pelo sucesso do blog! Os textos são honestos, claros e muito informativos para quem pretende estudar e viver na Austrália e também como lição de vida. Admiro muito pessoas como você, de valores, de bom caráter e de boa vontade para ajudar os outros, sem esperar algo em troca.
    Muito obrigada! Sucesso e felicidades!!

  13. Thais

    July 26, 2012 at 12:15 pm

    Este Blog já virou minha leitura diária de cabeceira! Tem muito informação útil e importante e está me ajudando muito neste projeto Austrália
    Parabéns!
    abs

  14. myrella bezerra

    July 26, 2012 at 3:02 pm

    Simplesmente perfeito o post. Estou planejando morar na Austrália ano que vem, com meu namorado (que até lá será esposo :] ). Estamos em contato com uma agência que à primeira vista parecia ser mto diferente, mas depois de ler alguns, digo muitos, dos seus posts pude abrir melhor os olhos.

    Sabemos que os custos de vida na Austrália são realmente altos, mas conhecimento é mais que importante nesses momentos. Por isso tenho lido como louca seu blog. Parabéns pelo conteúdo, parabéns pela atitude e obrigada por todas essas informações.

    Em alguma parte do texto você diz que não ganha nem nunca ganhou dinheiro com o blog. Eu também sou blogueira, em outro segmento de informação, mas também não ganho dinheiro com blog e amo o que faço mesmo assim. Tenho certeza que você se sente gratificado por ter ajudado tantas pessoas com essas informações. 🙂

    Deus abençoe sua vida, seu blog, família e tudo mais. Ao ler seus posts sinto simplesmente amor ao próximo.

  15. Jakeline

    July 29, 2012 at 3:37 am

    Olá Jerry! Passando pra dar os parabéns pelo post mais uma vez e dizer que continuo leitora assídua mesmo depois de ter chego aqui em Sydney.
    Sucesso sempre!

  16. Vinícius Faria

    July 29, 2012 at 8:49 pm

    Grande Jerry!

    Bem provável que você não lembre de mim, mas acredito ser um dos mais antigos leitores do seu blog e um grande admirador do seu trabalho, desde o formato antigo do seu blog… rsrs
    O plano de ir para AUS é antigo e o seu blog está presente desde os primeiros passos em direção a realização desse sonho. E isso já deve ter uns 3 anos ou mais.

    Confesso que não sou dos leitores que mais comento os post mas todos, sem exceção, são lidos. Tá lá no meu GoogleReader e sempre dou uma espiada pra ver o que tem de novo, inclusive nos comentários. Deixo pra comentar quando tenho algo realmente relevante pra dizer ou como a vez que eu te avisei que o RSS tinha dado um problema e tal…. (vc não deve lembrar) hehehe…

    Enfim… dessa vez não é diferente, estou postando esse comentário para lhe agradecer e para dizer que estou mto próximo de realizar meu sonho de ir para AUS.

    Nós, eu e minha namorada, em breve estaremos por ai e vc e seu blog nos ajudou mto.
    Espero poder lhe agradecer pessoalmente quando chegarmos ai… quando estiver mais perto lhe aviso, combinado!?

    Obrigado, de verdade.
    Valeu Jerry!!!

  17. Guilherme

    August 1, 2012 at 6:24 pm

    Desde quando comecei a me interessar pela Austrália comecei a visitar seu blog. É realmente muito bom! parabéns pelo trabalho e por ser uma pessoa tão boa! Que Deus te abençoe muitão! Eu simplesmente adorei o Post! É um assunto ultra importante! É ótimo ver isso exposto aqui! vai ajudar muuita gente! Abração!

  18. Camila

    August 31, 2012 at 1:00 pm

    Olá jerry!

    Descobri o seu blog por acaso e agradeço o acaso por ter encontrado ele e também a você pela sua dedicação em ajudar os outros! Os assuntos são interessantes, as informações claras e diretas. Parabéns pelo seu trabalho! =)

  19. Marcela

    October 4, 2012 at 2:25 pm

    Jerry, muito bom o seu blog. Dá para ver que você é uma pessoa de caráter pela maneira que você escreve, o que nos deixa mais seguros sobre as informações! Continue escrevendo.

    Abs.!

  20. Marcos Abranches

    October 7, 2012 at 9:38 pm

    Boa noite Jerry, adorei seu blog muito informativo demonstra varias situações que servem como exemplo, tenho agora muita vontade de morar na Australia vou traçar um plano juntar uma grana e vou chegar la se Deus quiser, muito obrigado.

  21. Aline

    January 9, 2013 at 8:26 pm

    Olá Jerry ! Não existem palavras que possam dizer o tanto que você tem me ajudado, decidi trocar a minha ida aos EUA pela Austrália e estava em dúvida por causa do preço, mas seus posts me ajudaram bastante. Fico até sem graça de enviar um email para você e perguntar mais coisas, mas um dia eu mando ! Estou lendo todos os posts e vendo se resta alguma dúvida, e até agora encontrei detalhes sobre tudo. Em 2014 estarei aí, e passarei na Hillsong Church, vou dar um jeito de te encontrar e agradecer pessoalmente (a você e a Michelle também), tenho certeza que você ajudou muitas pessoas e elas nao deram o valor mas pode ter certeza que mesmo sem te conhecer estou muito grata e você já faz parte do sucesso que a minha viagem vai ser, em nenhum lugar eu encontraria informações detalhadas dos bairros, das cidades das viagens que tenho que fazer quando estiver aí e tudo mais. Sou funcionária publica e vou me formar somente quando retornar da Australia, mas quem sabe um dia não volto para morar por aí! Estou encantada! Obrigada, novamente. Que Deus te abençoe e que você colha em dobro tudo que você tem plantado de maravilhoso. Abraços.

  22. Jo

    May 3, 2013 at 7:06 pm

    Oi Gabriel, estou na Australia a um ano e meio, gosto muito do seu blog. Parabens por trazer informacoes valiosas e de forma tao clara para gente. Eu como muitos tambem tive meus problemas aqui, estou indo embora em um mes muito felis que vou ver minha querida terra brasileira. Como muitos eu gostaria de te pedir ajuda. Vou contar minha historia e se voce puder responder ficaria muito feliz. A 8 meses atras aconteceu um (assalto) seguido de violencia na residencia de um amigo meu. Ele ficou com o olho muito machucado, teve que fazer uma cirurgia e tinha marcas roxas por todo o corpo. Passados algumas semanas, veio uma policial na casa dele, eu estava la nesse dia, ele me pediu licensa para conversar com a policial em compania dos pais o que de primeiro achei mal educado mas consedi uma vez que isso e algo bem particular. Depois de alguns minutos ele veio conversar comigo e me mostrou um papel, no qual continha sua assinatura. Ele disse que isso era um procedkmento padrao falando da visita da oficial na casa dele e pediu que eu assinasse o documento, eu perguntei se esse documento afirmava que eu estava presente na hora do (assaulto). Perguntei isso por que a linguagem do documento era tao dificil que nao consegui entende-lo. Ele disse que era algo padrao e que se eu nao quizesse assinar tudo estaria bem. Eu estupida para nao ficar um ambiente chato, uma vez que eu senti pena da cituacao que ele se encontrava, ele e eu estavamos num relacionamento a curto periodo de tempo eu assinei o documento com a condicao que ele me desse uma copia. Ele nao me deu uma copia, tivemos varias brigas enquanto estavamos juntos, ele nao fala mais comigo, bloqueou meus emails. Consequencia… Acho que ele me usou como testemunha sem meu consentimento. Se fosse aqui no Brasil abriria um BO de preservacao de direitos mas aqui na australia nao sei como proceder. Nao gostaria de ter meu nome relacionado ao dele num inquerito policial. Vivi com ele 8 meses e possivelmente ele poderia ser o agressor ao invez do agredido, e ter usado meu testemunho para livrar a propria pele. Se puder me ajudar eu agradeceria muito. Ja adcionei vc no msn. Bjs e sorte para todos

  23. Luisa

    July 5, 2013 at 10:59 am

    Nossa Jerry, q post lindo….!
    Ainda n li tds os post dos seu blog…chego no trab as 06:00 e saiu as 14:30…em dias alternados faço curso de conversação em Inglês, em outros tento pegar as materias da faculdade em outro curso (estudo na UFBA e faculdade pública no Brasil p vc estudar precisa ter dinheiro. Muitos cursos tem aulas de manhã e de tarde,como se consegue trab desse jeito? Ai tento casar as aulas q de medicina veterinária q são iguais no curso de biologia e tenho acompanhado bem…mas n sei até quando conseguirei isso!) e depois volto p casa entre 22:00 e 23:00 e ir estudar até as 01:00 da manhã p acordar as 5 novamente e recomecar a maratona (pelo menos trab perto de casa!).
    Pretendo levar essa disposição para Sydney em novembro…
    Muito lindo esse post!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

More in Vida na Austrália

Jerry Strazzeri no Youtube

Posts da Austrália




To Top
%d bloggers like this: