Costumes e Hábitos Australianos

Muitos hábitos e costumes australianos ainda são bastante diferentes dos brasileiros por isso resolvi separar abaixo os costumes da Austrália mais comuns e que geralmente levam um tempinho para se acostumar.

Não escovar os dentes após as refeições

teeth  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros teeth

Reação de um Australiano ao ver um brasileiro escovando os dentes na hora do almoço no banheiro do escritório

O Australiano em média escova os dentes apenas duas vezes por dia, geralmente de manhã ao acordar e antes de dormir. A própria pasta de dente aqui vem com a recomendação de se escovar os dentes 2 vezes ao dia. Lembro-me que no meu primeiro emprego aqui fui pego por um colega de trabalho escovando o dente no banheiro da empresa. Ele achou aquele meu hábito tão esquisito que veio me perguntar por que eu estava escovando os dentes. Minha resposta o deixou ainda mais intrigado: Por que eu acabei de almoçar!

Não matar aranhas, baratas e outros insetos

aranhas-assustado  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros aranhas assustado

Como um australiano fica depois de ver você matar uma aranha que subiu na sua perna no sofá

Insetos na Austrálias devem ser preservados por algum tipo de código ambiental, pois eles vivem em perfeita harmonia com a comunidade australiana. Aqui não raramente ao verem uma barata ou aranha em casa, na melhor das hipóteses eles vão pegá-la com uma folha de papel e coloca-la para fora de casa. Matar jamais. Muitos brasileiros são repreendidos quando matam uma aranha. Uma amiga me disse que ao acordar na primeira semana aqui viu uma aranha maior que sua mão na parede da sala. Saiu correndo e foi avisar o dono da casa, um australiano de 60 anos, que havia uma aranha enorme na sala, ao que ele calmamente respondeu: Ah, esta é a Charlie, ela mora aqui.

Não mexer com Mulheres na Rua

729528  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros 729528

Algumas mulheres entram em depressão aqui por causa disso, (Brincadeirinha) mas os australianos não mexem absolutamente com nenhuma mulher na rua. Você pode sair de biquini por ai que ninguém vai se dar ao trabalho de mandar nem um simples assobio. Quando isso acontece vem de algum estrangeiro.

Estacionamento Grátis pelas Primeiras 3 horas

gif-happy-dance  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros gif happy dance

Brasileiro ao descobrir que as primeiras 3 horas do estacionamento são grátis

Um amigo meu ficou duas semanas sem acreditar que os estacionamentos de shoppings e estacionamentos públicos eram geralmente grátis pelas primeiras 3 horas. Você pode ir ao shopping, fazer as compras, almoçar, dar uma volta a pé pela região e depois pegar o carro sem pagar um centavo pelo estacionamento e além disso, mesmo nos dias mais cheios não é impossível arrumar uma vaga.

Tudo Fecha às 5 PM

closing  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros closing
Reação do atendente australiano vendo o brasileiro chegando faltando 10 minutos para as 5 da tarde.

Tudo aqui fecha às 5 da tarde. Lojas de shopping, farmácias, lojas em geral e até alguns cafés fecham as portas a esta hora. Não sei como os shoppings sobrevivem uma vez que é justamente na hora em que as lojas estão abertas que você está no escritório trabalhando. A excessão é quinta feira em que tudo fica aberto até às 8 da noite.

Festa Infantil para Crianças

boring-party  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros boring party

Como um adulto se sente em festas para crianças aqui

Aqui as festas de aniversário são para crianças e crianças somente. Apenas os amigos próximos do aniversariantes são convidados, não são convidados adultos, nem os irmãos mais novos ou mais velhos de qualquer criança convidada. Não tem cerveja, salgadinho para os pais, etc. As festas geralmente duram duas horas das quais você chega, deixa seu filho e volta pontualmente duas horas depois para apanhá-lo. Não tem refrigerante ou outros doces, geralmente são servidos sucos artificiais e pão de forma com um granulado colorido em cima, simplesmente horrível.

Hora pra Começar e Acabar

Por falar em festa aqui todas as festas tem hora de início e fim que são rigidamente obedecidas. Muitas vezes quando vou à algum evento brasileiro, por volta das 9:00, 9:30 da noite já vejo os australianos indo embora.

Endereços Australianos

Screen Shot 2014-02-11 at 11.26.28 am  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros Screen Shot 2014 02 11 at 11

Aqui os endereços se escrevem diferentes do que no Brasil. Por exemplo, no Brasil se escreveria algo como:

Av. Paulista, 900. Sala 1207.

Já na Austrália:

1207/900 Paulista Av.

Portas sem Chave por Dentro

lockedout  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros lockedout

Brasileiro depois de deixar a porta fechar e lembrar que deixou a chave dentro de casa

Aqui você só usa a chave para abrir a porta pelo lado de fora. Pelo lado de dentro tem uma espécie de alavanca que você vira para fechar e abrir. Além disso a maioria das portas te trancará pra fora se você sair com pressa e esquecer as chaves em casa.

Lavar Louça ao Modo Australiano

Screen Shot 2014-02-11 at 11.23.44 am  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros Screen Shot 2014 02 11 at 11

O jeito que eles lavam louças aqui não é muito agradável. Ao contrário dos EUA onde Wash Up quer dizer lavar as mãos, aqui é lavar a louça. Para lavar as louças aqui eles enchem a pia de água, mergulham as louças sujas dentros, passam sabão, enxaguam na mesma água suja e colocam para secar. Ainda bem que eu tenho lava louças

Faxineira

Screen Shot 2014-02-11 at 11.24.28 am  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros Screen Shot 2014 02 11 at 11

Como uma mãe brasileira acostumada com empregada e faxineira se sente depois da primeira semana na Austrália

Aqui na Austrália você pode contratar uma pessoa ou empresa para fazer uma faxina na sua casa. Vai custar de $25,00 a $70 dólares por hora de trabalho, leva em média 2 a 4 horas e você não notará quase nenhuma diferença. A faxina aqui resume-se a passar um pano nos móveis, um mop (uma espécie de rodo com um paninho na ponta) no piso do banheiro e da cozinha, um paninho úmido nas pias e nos banheiros e arrumar a cama e organizar alguma bagunça. Nada daquela limpeza pesada. Minha cunhada uma vez contratou uma empresa de limpeza e eles não se deram nem ao trabalho de colocar os pratos na lava-louças. Mais que isso, Não se deram nem ao trabalho de tirar um prato que estava em cima da pia para passar um pano embaixo, passaram o pano contornando o prato.

Empregada Doméstica e Serviços de Casa

Por falar em faxineira esqueça este tipo de luxo aqui. Ele praticamente não existe. Na minha última visita ao Brasil fiquei impressionado ao ver como as pessoas por lá não vivem sem empregada. Minha própria família estava desesperada por que a empregada tinha ido embora e não tinham conseguido encontrar outra. Aqui nem famílias multi-milionárias tem empregadas.

Números das Casas e Andares dos Prédios

Confused_Mr._shue  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros Confused Mr

Brasileiro tentando encontrar endereços e em qual andar fica o apartamento na primeira semana na Austrália

Está ai um sistema muito pouco eficiente na Austrália. A numeração das casas. Aqui existem várias ruas que cruzam diversos bairros. É como a Av. paulista por exemplo em São Paulo, que começa no bairro do Paraíso e termina no bairro da Consolação passando por mais 2 bairros no meio do caminho. O problema é que aqui, a cada bairro que a rua passa a numeração começa de novo. Desta forma você pode ter 3, 5, 10 números 37 para mesma rua. Assim se seu amigo falar em qual número ele mora ele precisa também te falar qual o bairro e a altura.

Eu morava na Pacific Highway em North Sydney quando cheguei aqui. Acontece que a Pacific Highway começa em North Sydney em Sydney e termina na cidade de Gold Coast em Queensland. Lembro que uma vez ouvi que tinha um KFC na minha rua. Fui a numeração que eles falaram e nada. Depois descobri que o KFC em questão ficava há 5 km de distância.

Outra coisa não eficiente é a numeração dos apartamentos. Por exemplo, tenho um casal de amigos que mora no apartamento 61. Você deduz que fica no sexto andar não? Errado. Fica no segundo andar. É o mesmo aqui em diversos outros prédios.

Outra coisa que complica é que as vezes no mesmo bairro existem 3 ruas com o mesmo nome e na cidade então nem se fala, digite west st no Google  e verá que existe pelo menos umas 200 ruas com o mesmo nome só em Sydney

Banho de 5 Minutos

shower-gif  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros shower gif

Sorry. No more singing in the shower

Aqui na Austrália os banhos geralmente não podem passar de 5 minutos, principalmente se você está morando na casa de alguém como uma shared ou Homestay. Quando você for morar sozinho pode fazer o que quiser, mas lembre-se que a água é um recurso escasso na Austrália e toda moderação é bem vinda.

Picnic

Screen Shot 2014-02-11 at 11.34.21 am  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros Screen Shot 2014 02 11 at 11

Este os brasileiros adoram, mas como você nunca faz isso no Brasil, você vai aos seus primeiros picnics achando que vai ser roubado ou que a cada 15 segundos alguém vai aparecer te pedindo algo. Aqui os australianos fazem picnics o tempo todo e em todos os lugares, principalmente lugares com uma boa vista. De vez em quando eu vou com minha esposa comer alguma coisa em North Head, ou fazemos picnics com amigos em outros lugares.

Casamento Australiano

casamento australiano  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros casamento australiano

A maioria dos casamentos na Austrália acontecem em parques, praias e qualquer outro lugar lindo ao ar livre

Andar Descalço

andando-descalco  Costumes Australianos Estranhos para Brasileiros andando descalco

Australianas andando na rua em Queensland

Aqui você vê os australianos andando descalços em todos os lugares. Seja no supermercado, na rua, no shopping, vire e mexe você vê alguém andando descalço, mas o pior são as estudantes de colégio que muitas vezes você as vê andando de meias na rua após as aulas. pobre das mães que tem que lavar as meias depois.

Gap e Sabatical Year

Aqui na Austrália existe um costume comum chamado Gap Year e Sabbatical year. O Gap Year é um ano que as pessoas que acabaram o High School tiram antes de começar a faculdade. Geralmente passam este ano viajando por diversos países antes de voltar para a Austrália. O Sabbatical year é um ano que a pessoa tira durante oi trabalho. Geralmente a cada 7 anos a pessoa tira um ano para viajar, começar um projeto ou simplesmente não fazer nada. As vezes o período é menor, mas em todas as empresas em que trabalhei era comum ver um povo tirando 3 meses, 6 meses ou 1 ano de férias de vez em quando.

Bring Your Own

Em alguns restaurantes você pode levar sua própria bebida alcoólica de casa e em quase todos você pode pedir água de graça.

Weekend Surcharge

Por falar em restaurantes, em muitos deles o valor é mais caro aos finais de semana. É conhecido como Weekend Surcharge e chega a ser em média 10% mais caro do que durante a semana

Estes são alguns costumes. Se souber de outros ou quiser fazer alguma pergunta não se esqueça de postar aqui.

Depois de muitos pedidos fizemos os Hábitos Brasileiros estranhos para Australianos

http://www.brazilaustralia.com/habitos-brasileiros-estranhos-para-australianos/

Leiam mais Costumes nos Comentários

Muita gente legal tirou parte do seu tempo para colaborar com o post passando muitos outros costumes que não mencionei aqui. Não deixem de ler os comentários para saber mais costumes australianos que são estranhos para os Brasileiros. Obrigado a todos pelas contribuições.

 

 

Solicite Orçamento 160×160
SHARE
Previous articleExiste Preconceito na Austrália?
Next articleOs Melhores Apps para Quem Vem ou Está na Austrália
Jerry Strazzeri
Jerry Strazzeri vive na Austrália com sua esposa desde 2006. Trabalha como Analista Digital na Austrália já tendo trabalhado em empresas no Brasil e Estados Unidos. Cidadão Australiano, junto com seu trabalho está concluindo uma graduação em Leadership. Junto com sua esposa Michelle, foi responsável por diversos sites na área de educação e TI e criaram o Brazil Austrália em 2006 para ajudar aqueles que estavam imigrando ou vindo estudar na Austrália. "Mas eu e a minha família serviremos ao Senhor" ~ Josué 24:15 Veja meu outro blog - Siga-me no Quora

229 COMMENTS

  1. Oi Jerry, boa noite ! Queria perguntar uma coisa: se nem as famílias multi-milionárias tem empregadas, como elas fazem para limpar a casa ? Tipo, imagino que seja umas casonas…

    • Boa pergunta

      Elas mesmos limpam e as vezes possuem uma baba que cuida das crianças e ajuda um pouco na limpeza, mas como disse, tudo bem superficial. Lembro-me de uma amiga australiana da minha esposa que morava em uma casa de 5 quartos e dizia que só deixava aberto os quartos que usava e 2 banheiros, para não ter que ficar limpando a casa toda. Além disso aquele padrão brasileiro de limpeza simplesmente não existe aqui.

      Outro fato interessante é que trabalhei para uma empresa em que os donos eram um casal de australianos multi-milionários. Eles moravam numa mansão com 6 quartos, home theater, piscina, etc e não tinha empregada, tinham apenas uma empresa de limpeza que ia uma vez por semana, mas o resto eles arrumavam e limpavam eles mesmos.

      • Eu passei 6 meses na Austrália ano passado. Fiquei com uma família todo esse tempo e realmente, durante minha estadia eu não vi nenhuma faxina na casa. Eu fiquei impressionado no começo, mas depois eu vi que nem precisava tanto. A casa não ficava toda aquela bagunça.

      • Meu Deus, só de ouvir isso entro em desespero!!!! Faxina 1x por semana em casa pelo menos, não tem nada melhor do que uma casa extremamente limpa no final do dia…andar descalço em casa, deitar no chão se preciso….kkkkkk o que percebo, pelo menos das pessoas que conheço e fazem intercambio fora do Brasil, é que eles não dão tanto valor a um “lar aconchegante” independente de ser simples, como o brasileiro dá… passam mais tempo fora de casa, em alguns lugares parece que só vão pra casa pra dormir… aqui não… o nosso lar é uma extensão da gente… por isso que preferimos fazer um churras em casa ao invés de um piquenique em um parque… eu tenho um certo carinho pela minha casa…. me sinto mal se não lavo o banheiro pelo menos uma vez por semana, afinal, é meu banheiro, quero ele sempre limpinho, branquinho e cherosinho e bem cuidado. EU AMO A MINHA CASA! Hoje mesmo fiz uma limpa deliciosa no guarda-roupa do meu marido e no quintal, me senti realizada…kkkk em paz comigo mesma de saber que tudo está limpo e em ordem.Não que não se tenha uma bagunça aqui e ali, uma roupa jogada lá, uma teia de aranha acolá… eu tenho mais de 10 cães então é difícil manter a ordem e limpeza por muito tempo, mas pelo menos a cada 2-3 dias tem que tentar manter tudo bem limpinho e desinfetado.

  2. ..OUTRA: ….EM BRISBANE..PELO MENOS,NAO TEM ESSA OBRIGACAO DE DAR GORGETA PRA TUDO! GRACAS `A DEUS!!!..
    ..OUTRA:..COMO AS LOJA FECHAM `AS 5 DA TARDE..SE VOCE ESTIVER ENTRANDO 5-10 MINUTOS ANTES, CORRE O RISCO DE RECEBER UM “SORRY, ESTAMOS FECHANDO”!
    ..COMO EM QLD, VOCE NAO SE VENDE BEBIDA ALCOHOLICA ABERTAMENTE OU EM SUPERMERDADOS,VC. TEM Q IR DIRETAMENTE EM LOJAS ESPECIFICAS DE BEBIDAS ALCOHOLICAS..E NAO SE PODE BEBER ALCOHOL EM PUBLICO!!!..TEORICAMENTE NEM NOS PIC NICS!!!(SIM..CLARO!!!)
    ..BEBER BEBIDA ALCOHOLICA EM COPOS?TULIPAS ETC???…NEM PENSAR..CERVEJA E’ NO GARGALO..HOMEM OU MULHER..

    • Obrigacao de dar gorjeta eh coisa americana. A australia se assemelha ao brasil nesse aspecto. A gorjeta eh aleatoria. Nos estados unidos o povo deixa gorjeta ateh pra entregador de jornal

      • Não existe essa lei no Brasil.
        CBT Art
        Capítulo III – DAS NORMAS GERAIS DE CIRCULAÇÃO E CONDUTA
        O trânsito de veículos nas vias terrestres abertas à circulação obedecerá às seguintes normas:

        IV – quando uma pista de rolamento comportar várias faixas de circulação no mesmo sentido, são as da direita destinadas ao deslocamento dos veículos mais lentos e de maior porte, quando não houver faixa especial a eles destinada, e as da esquerda, destinadas à ultrapassagem e ao deslocamento dos veículos de maior velocidade;

        • Acho que ele se referiu ao fato de que aqui muita gente lerda usa a faixa da esquerda, obrigando quem esta mais rápido usar a faixa da direita… Aqui em Curitiba isso é muito comum!

          • De fato aqui em Curitiba alguns motoristas circulam pela faixa esquerda. Normalmente a velocidade máxima permitida nas vias centrais de menor movimentação de pedestres é de 60km/h, logo circular pela faixa esquerda no limite do permitido é perfeitamente normal, isso é ensinado nas escolas municipais e em muitas escolas particulares, durante a semana do trânsito. Esse ensino, acredito eu existe somente aqui em Curitiba. Pena.

  3. Conheci muitos destes hábitos quando passei férias na casa do meu filho em Sydney. Aniversário de criança nos parques com início às 11 da manhã e os picnics. Adorei!

  4. bom, sei que é uma pergunta que muitos podem achar (nadaver) mais sempre tive vontade de perguntar, por mais que em todo mundo ainda tem preconceito, como é o relacionamento dos australiano em relação a pessoas negras ai no pais, em relação a tudo, desde emprego, sala de aula etc…
    Estudo Ciência da computação em Limeira (int. SP) meu sonho é estudar inglês na austrália. Obrigado desde Ja Jerry.

    • Oi Mauro. Eu sou negra e Moro em Sydney quase 5 anos e posso te guarantir que nunca sofri nenhum tipo de preconceito por ser negra. Coisa q acontece no Brasil cada vez que eu volto pra visitar minha família. É verdade que não existem muitos negros por aqui como no Brasil, e talvez por ser um país com muitos imigrantes, vindos da Ásia, South África, Índia, Europa e etc, não é a cor da pele que vai fazer vc ser tratado diferente. Aliás é um diferencial a seu favor, as australianas se interessam muito por rapazes negros, se vc for solteiro vc vai se dar bem… Não é que australiano não tenha preconceito, eles tem sim, mas será pelo fato de vc ser imigrante, não falar inglês corretamente, e não pela cor da sua pele.

  5. Na praia vc não compra nem picolé nem água, muito menos cerveja! Aliás toda atividade que gera $$ tem que ter autorização para ser exercida. Até os artistas de rua precisam de uma licença! Milhonarios não tem empregadas mas só vivem em mansões enormes se a família for grande. E pode crer que cada um cuida do seu canto da casa como bem entender, desde de pequeno. Não existem cães de rua, quem tem um cão é obrigado a instalar um chip identificador, que tb tem toda informação de vacinas e endereço do animal. Na verdade o australiano cresce acostumado a comer um lanche frio no almoço, pois assim é na escola. Começam as 9 e saem as 3, geralmente.. E não tem microondas pra esquentar comida não! Vai frio ou vai lanchinho na lancheira! Pessoas se vestem como se não tivesse que agradar ninguém além delas mesmas, o que parece divertido, inusitado, confortável e muito legal de assistir! As roupas são baratas, e ficam mais baratas no auge da estação! Existe uma cultura das coisas de segunda mão. Quem não quer mais uma coisa, doa para o exército da salvação (que revende muito barato) ou vendem no via site ou garage sale.., e tem coisas ótimas!! Claro que tem porcaria tb. E tem quem ponha o objeto indesejafo na calçada em frente a casa. Quem quiser, passa e leva! Em Sydney tem data certa pra cada bairro, vc passa e vê quilos de móveis, eletrodomésticos espalhados no bairro.. Alguns dias depois a prefeitura coleta o que restou e separa o que está bom para o exército da salvação.

  6. Questão com horários !!!! Nossa os Australianos são pontuais em tudo, literalmente tudo , se você se atrasar 5 minutos , eles já começam a reclamar , e fora que não param de olhar no relógio …

  7. Em Brisbane:
    Casamento: as madrinhas são as melhores amigas da noiva e os vestidos, cor e acessórios para o casamento são idênticos para todas.
    Pic Nic e Churrascos: Não é considerado farofa, por sinal é uma delícia nos Parques.
    Praia: Biquinis grandes, praias limpas pois não se come na areia, somente fora.
    Teatro/Cinema: Não precisa dar ingresso na entrada, é entendido que você comprou e está com ele na bolsa caso precisem.
    Bichos típicos e populares: aranha e sapos.
    Dezembro: Desde o início muitas comemorações natalinas até dia 24. Na véspera de Natal clima tranquilo e silencioso com as famílias reunidas.
    Os homens quase não abordam, são as mulheres que tomam a iniciativa…rs
    Nossa tem muitas coisas diferentes.

  8. Moro ha 5 anos em Perth e, para mim, a sua descricao sobre os costumes australianos esta perfeita. Eu so acrescentaria um comentario sobre “buzinar no transito”, coisa que o brasileiro adora e o australiano abomina. Voce pode ficar distraido e nao andar quando o sinal abre que ninguem ira buzinar. Em compensacao, se voce faz uma besteira muuuito grande, voce ganha uma buzinada mais “longa”. Nao existe aquele toquezinho brasileiro. Concorda?

  9. Interessante esse lance do Gap e Sabatical Year…

    Quanto ao fato de alguns bairros possuirem ruas com os mesmos nomes, na verdade esses são sub-classificados em Street e Lanes sendo essas uma espécie de ruas mais estreitas de uma só mão que não passam de uma espécie de continuação de uma rua.Por isso tem o mesmo nome.

  10. E bem comum eles te chamarem de “sweety, darling, love, honey, gorgeous…” sem ao menos te conhecer. Tipo deu licenc para eles passarem e eles falam. – Thanks, love. Obrigada, amor. Acho muito intimo, mas demonstra mais afeicao.

  11. Existem outros como: a maioria das ruas não tem placas com nomes além dos prédios nāo terem números, não se dá gorjetas, não se pede desconto, arrotar é normal, se pede desculpa para tudo, espirrar não é normal você tem que se desculpar depois de ter espirrado, ninguém buzina, não se faz visita quando alguém está no hospital a não ser para pessoas muito próximas, se for convidado para almoçar sempre tem que levar pelo menos flores e vinho, convite para jantar em casa é raridade, Churrasco é feito em chapas elétricas ou a gás e todos comem tudo como um almoço nāo se levam horas como no Brasil, tudo que ser limpo apos usar um espaço público, voce pode age dar o uso de espaços públicos como parques e churrasqueiras públicas para aniversário apenas escreveno seu nome e data no quadro, é comum cozinhas e banheiros com piso de madeira, todo papel higiênico inclusive em shoppings e aeroportos são jogados no vaso sanitário, lavanderia pode ser apenas um armário, no lavabo não existe pia, é comum em residências encontrar banheiro sem trava interna….e muitos outros costumes diferentes!

    • Nao se pede desconto! Agora entendi o que aconteceu comigo! rs… To indo mes que vem! Adorando os costumes locais, o de andar descalço na rua então me deixou feliz da vida. Aqui em Brasília seu for na padaria do meu prédio descalço todo mundo me olha torto.

  12. Já morei na Austrália e achei muito legal a sua publicação.
    Ah!! Realmente é estranho não terem empregada ou faxineira, mas como há mais qualidade de vida, pouco trânsito, dá tempo de cuidar da casa. Pelo menos na cidade que morei.

  13. Algumas mulheres entram em depressão porque não mexem com ela na rua??? Pelo amor de Deus, eu ficaria era contente demais com essa situação! Queria eu que aqui no Brasil fosse assim! Estou de saco cheio de sair na rua e ter que ouvir piadinhas que vão desde um fiu fiu até as piores baixarias. Tenho que me preocupar até com a roupa que vou usar, para evitar o máximo possível que esse tipo de coisa aconteça, mas não adianta, mesmo assim os engraçadinhos mexem com a gente. É horrível ter que suportar esse tipo de violência todos os dias!!!

      • Ufa, pensei que eu fosse a única “anormal” (oi?!) que acharia isso ótimo aqui. O fato de homens não fazerem isso mostra respeito, valorização. Uma mulher não precisa disso pra se sentir bem.

      • Eu estava justamente vindo aqui comentar sobre esse ítem. Achei bem desnecessário esse comentário de que as mulheres entram em depressão e blá blá blá. Muito pelo contrário. Quem pensa que mulher gosta desse tipo de “abordagem” está imensamente equivocado. É humilhante, desrespeitoso e agressivo.
        Sonhando com o dia em que os homens por aqui também tenham esse comportamento digno.

        • Infelizmente no Brasil os homens se comportam feito animais, e como isso já faz parte da cultura, acho difícil que esse comportamento um dia mude.

          • Bom, falar sobre isso do ponto de vista que brasileiros são animais é muito fácil. Porém, aqui em Sydney você vê mais facilmente australianos bêbados descendo a mão em mulher. Você vê australianos andando em grupo e batendo em estrangeiros por puro prazer. Você vê brigas sem motivo que são dignas de um octógono. Não, não apenas o brasileiro é animal, todos os seres humanos são. Entre tudo isso que tem de bom, tem as coisas ruins também. E muito ruins diga-se de passagem. Uma cultura que se desenvolveu com pubs em qualquer esquina, rugby que é um dos esportes mais violentos do mundo e entre outros motivos como o background histórico da colonização da Austrália fazem desse povo pessoas muitas vezes adversas ao ser humano. Você é capaz de ver também uma pessoa estirada ao chão e, além de ter gente olhando (que animais não?) tem gente tentando acessar a área restrita, até discutindo com o policial porque só queria comprar seu kebab. Se você não liga para essas coisas, segurança de seus amigos, ou você acha que a vida vai ser fácil aqui vindo com um visto de estudante, pense novamente. Não é. O que mais se acha aqui em Sydney são chineses. Eles estão aí para tirar o pouco de oportunidade que poderiam aparecer. E o australiano? Ele não se importa com isso, como você. Ele só quer o seu dinheiro. As fontes de renda da Austrália atualmente são: Carvão, educação internacional… Exatamente. A segunda maior fonte de renda da Austrália é educação internacional, vide eu, você é possivelmente 70% dos brasileiros que tentam imigrar. Então aproveitar o país da forma que foi falada no texto é muito legal, mas é sofrido. Porque enquanto turista, você não se importa de pagar muito pelas coisas. Enquanto estudante, você tem que pagar caro. Não tem quase direitos, as coisas não funcionam bem, tudo gira em torno do tipo de visto que você tem, legalmente só se trabalham 20 horas semanais e nada além disso. A vida com residente permanente é outra nível, já. Alguém sabe quando você passa a ser alguém aos olhos do governo australiano as coisas mudam um pouco.
            E também disseram que as pessoas não buzinam: osso é mentira aqui em Sydney. O povo adora uma buzina.

      • Gente você já ouviram falar em Hipérbole??? O Jerry usa bastante essa figura de linguagem.

        Em palavras mais simples, hipérbole é “expressar uma ideia de forma exagerada”. É a figura de estilo que incide quando há exagero ou demasia propositada, transmitindo uma ideia aumentada do autêntico.

        É que o povo no Brasil o povo não esta acostumado a ler e não entende que existem estilos diferentes de texto.

        • Agora você vai justificar o machismo do cara com uma ‘hipérbole’?
          Queridinha, se ele quis usar esse recurso de linguagem no texto, por que ele apenas fez isso nesse tópico? Em todos os outros ele não utilizou dessa figura de linguagem.
          Por favor, não seja ingênua em achar que foi intencional esse ‘as mulheres aqui entrariam em depressão’. Ele realmente acredita nisso e pensa que nós gostamos de ser assediadas nas ruas.

          • Você realmente ACREDITA que alguém fica em depressão pois não ouve cantadas nas ruas???

            Estou morrendo de rir aqui… Peraí, não posso usar a palavra “morrendo de rir”, pois vc vai acreditar que eu me suicidei por causa do seu comentário…

            Ele usou hipérbole no texto várias vezes, no lance da aranha, vc realmente acreditou que existe uma aranha chamada charlie??? e ser assaltado em 15 segundos… Hheheheheh

            O que falar de alguém como vc, Whatever…

      • Também concordo!Tem frases que soem como ofensas….é melhor não ter ouvido.
        Amo o Brasil ,mas tem homens que difinitivamente nos envergonham.Mexem ate com mulheres grávidas!Usam frase de baixo galão!afff….perderam o cavalheirismo.

      • Dear Jerry
        Australiano tem médico de família e não vê especialista à naõ ser em circunstâncias especiais e quando o médico de família achar necessário.

      • Numa festa os homens aqui vão e pegam os telefones de mulheres. Ligam depois. A festa é pra ser curtida com is brothers. Quase nunca os aussie andam sozinhos.

  14. Ola jerry.

    Sou de Brusque – SC. Minha esposa e eu estamos pensando em mudarmos para Austrália, viver outra cultura aprender outro idioma, enfim ter uma nova experiencia em nossas vidas, mas também aparecem as duvidas e os medos, estamos amadurecendo a ideia e gostaria de algumas orientações se possível. Qual a condição para conseguir trabalho, conseguindo visto para estudante podemos trabalhar 20hr semanais, com salario que ganharmos conseguimos alugar um Ap. de um quarto? Para brasileiros recém chegados, ha alguma agencia de empregos na Austrália ou consigo ir com emprego garantido aqui do Brasil? Agradeço muito por sua Ajuda, Deus lhe abençoe.

  15. Eu adoro a parte em que os homens nao mexem com as mulheres na rua, pois no Brasil e uma puta falta de respeito. Aqui voce se sente mais a vontade de vestir qualquer tipo de roupa e sabera que nao vai ser criticada!

  16. Eu achei um bem interessante quando morei em Melbourne, mas isso também é comum em outros países. Os motociclistas sempre ficam atrás dos carros e respeitam as faixas. Não existe essa coisa de andar nos corredores… mesmo no trânsito.

    Outra coisa que sempre acontecia, era o fato de que as pessoas fazem questão de ajudar quando você está perdido. Bastava parar em algum lugar e ficar olhando para um lado e para o outro, com cara de “onde estou”, que já vinha algum australiano perguntar se você precisa de ajuda. Teve um caso de uma menina ligar o GPS do celular (não era tão comum quando morei aí) e nos acompanhar até o local que o GPS mandava.

  17. Eh bem por ai mesmo eu escovo meus dentes depois das refeicoes meu marido nos primeiros meses me olhava como se eu fosse doida hauhauhau alias em muitas coisas…eles aki nao escovam nem 2 vezes ao dia.A louca eu nao gosto que ninguem lave aki em casa prefiro eu lavar senao tenho depois de lavar td de novo.Eh nessa parte de empregada eu pastei qdo fiquei doente qdo achei alguem para limpar me cobrou 50 dolares a hora e teve um que 100 a hora…bem minha casa ficou dakele jeito por meses ate eu me recuperar e a limpeza deles tb nao ajuda muito na realidade pq eh bem superficial mesmo.Banho ainda bem que isso nao tem aki em casa de ficar 5 min hauhauhau meu marido fica quase meia hora no banho e ele eh australiano.Aki as donas de casa ja tem td na casa para tornar a vida delas melhor,como a slowcooker vc coloca la a comida para fazer programa o horario e qdo vc volta a comida esta pronta ou vai num Maccas pede um pacote familia e leva para jantar…o bom dos maridos pelo menos o meu neh eh que eles nao ligam se a casa esta em ordem ou de pernas para o ar hauhauhau…eu que quase enlouqueci vendo a bagunca da casa e nao poder limpar 🙁

    • Pois eh Rosy, aqui a prioridade eh viver a vida e nao limpar a casa… E eu adoro isso! Porem os homens aqui ajudam muito mais as mulheres do que no Brazil. Meu noivo passa aspirador, cuida do quintal todo e lava a louca todo dia.

  18. Eu sei mais um
    As crianças não precisam tomar banho após irem à praia porque de acordo com os pais eles já entraram no mar e estão limpos.
    E muitos apenas banham suas crianças every second day.

  19. Moro aqui por muitos anos e cada dia aprecio mais o respeito pelos cidadãos.
    Existe solidariedade. Existe respeito.
    O pedestre é realmente mais importante que a nossa pressa.
    Todos os carros param nas faixas de pedrestres para que atravessem.
    Outro fato interessante e cultural é a importância que dão ao jantar familiar diário.
    A refeição principal, que costumam chamar de ‘tea’.
    Os shoppings ficam abertos até às 9 da noite nas quintas-feiras em Brisbane.

  20. Jma estratégia interessante para que i trânsito flua sem grandes engarrafamentos é o fato da desmobilização dos setores profissionais em horários diferentes.
    As escola terminam às 3 da tarde, assim, o movimento de veículos se trata dos pais buscando os filhos nas escolas. Isto acontece entre 3-4 da tarde.
    Às 4 da tarde, os bancos, colégios, universidades e alguns outros setores governamentais encerram suas atividades.
    Assim,o trânsito fica menos pesado, uma vez que os pais e filhos já estão em suas casas. Os correios terminam as atividades às 5 da tarde.
    Às 5.30 da tarde os shoppings se fecham e outros profissionais liberais terminam o expediente por volta das 6.
    Desta maneira, não acontece este congestionamento que existe no Brasil, todo mundo termina às seis da tarde e vira um terror.
    Tudo aqui funciona! Viva a Austrália! Nada como desfrutar de qualidade de vida!

    • Se você propuser uma coisa dessas no Brasil,logo já aparece um grupo de conservadores dizendo que estás incentivando a vagabundagem… que aqui se trabalha muito pouco e que ainda você está querendo reduzir a jornada… Brasil… quem sabe daqui há 3 mil anos? kkk

  21. A lista ta um pouco generalizada, mas não é mentira.
    Em QLD, você pode levar bebida alcoólica para os picnics, mas nada de vidro.
    Supermercados fechar as 9pm durante a semana as 6 nos fins de semana, e as quintas feiras tem o famoso “Late night Shopping” onde a maioria dos comércios fecham as 9.
    Realmente não se mexe com as mulheres na rua, e se você olhar demais elas se assustam, mas elas são super receptivas se o homem se aproximar e fizer um elogio sutil, e as vezes (se a mulher não estiver correndo) rola até um convite para um café.
    A parte da louça eu vou te contar! Terrível! Eu lavo minha louça antes e depois de usar, já que meu flatmate é australiano, só pra garantir.

    • Concordo Rogério. Lista generalizada. Assim como no Brasil os hábitos variam de região para região. Realmente essa paquera não existe mas passe uma mulher perto de uma construção e vc ouvirá uma orquestra de FIU FIU. Sim o hábito de se reaproveitar a água para enxaguar é revoltante. Jamais deixei alguém lavar minha louça. Diretamente na máquina. Hábito que vem pelo fato de ser um país muito seco. Agora tanto eu como meu marido tomávamos longo banhos e escovávamos os dentes após as refeições. PIC NIC era um hábito muito brasileiro. Em 1º de maio todos se preparavam para ele. Buzinas, aqui no Brasil a lei diz que não se deve buzinar em tal e tal situação. Só que ninguém obedece. O BYO deve-se a uma herança cultural dos tempos vitorianos, O fato do comércio fechar mais cedo também se deve ao fato da Austrália ter sido essencialmente agrícola e as famílias iam para a cidade na sexta e ficar lá até o sábado. Daí ainda a existência das lojas ficarem abertas até tarde da noite.Shoppings para eles não é opção de entretenimento como é aqui no Brasil, havendo até os rolezinhos. Vivem em função do ar livre. Quanto a andar descalços não é um hábito nacional. Alguns o fazem e ninguém se importa com isso. Quanto à faxineira elas existem sim. E cobram por hora. Ricos têm empregadas sim. Mas não como forma de ostentação. Pura necessidade.

  22. Tb morei na Austrália e concordo com tudo. A faxina então, muito verdade. E acho que também tem a questão de não poder beber algo alcoólico em locais públicos, como na praia, além de pedirem para as pessoas que estão claramente bêbadas se retirarem dos bares. E outra, eles não mexem com mulheres na rua, mas pedem licença e elogiam.. Diferente!! 🙂

  23. Eu tenho faxineira e a maioria dos meus amigos tambem!!!!!! Tenho amigos que sao riquissimos e tem varias empregadas! Acho que vc tem que achar a empregada certa! Por exemplo a minha e Brasileira!!!!

  24. Oi Jerry,

    Muito bacana o post, parabéns.

    Uma pergunta: como é o mercado de TI para programadores na Australia? Eu estou planejando uma imigração a trabalho e me disseram uma vez que aí existe uma demanda boa. É verdade isso?

  25. Morei em Dublin durante um ano e lá existem costumes próximas a esses!Sou apaixonada por esse respeito a vida,pessoas e natureza! Hj moro no Brasil, sou casada com um inglês que vive aqui a 11 anos, acabamos de ter um bebe e eu sou louca para ir embora, mas ficar longe da família, bem agora que perdi um irmão o ano passado é muito difícil, mas gostaria q meu filho pudesse viver em um lugar assim!!

  26. Po na Australia tem tanta diferenca…
    1- mulher sai na porrada com homem
    2- homem sai na night pra beber e nao pra pegar mulher
    3- voce ve que e inutil passar meia, camiseta, cueca, por isso ve que ter empregada e perda de tempo e dinheiro
    4- aqui nao existe jeitinho brasileiro (coisa que me enoja em brasileiro)
    5- nao tem tributo sobre saque de dinheiro, voce pode ir no mercado fazer suas compras e no final ainda saca um cascalho
    6- nao vendem alcool no supermercado

    Varias e varias diferencas.

    • Concordo com vc sou brasileira e odeio esse famoso jeitinho brasileiro!!! Ainda não ficamos livres dos tempos coloniais portugueses…Muitos brasileiros não passam mais as roupas…Muitos supermercados (em Melbourne) já tem a Liquor Store ao lado da porta de entrada. Assim depois do caixa do supermercado vc entra e compra a sua bebida.

  27. Temos mais coisas estranhas:
    – Sacar dinheiro numa parede na calçada, sem nenhuma proteção.
    – Passar e pagar sua própria compra em mercados.
    – Você passa seu pŕoprio bilhete no ônibus, não há cobrador/trocador.
    – Em horário de pico você não pode pagar o ônibus com dinheiro, o motorista não deixa você viajar.
    – Se o ônibus estiver cheio (nem se compara com o cheio do Brasil) o motorista não deixa entrar.
    – Ainda há escolas só para meninas.
    – Melbourne Cup (corrida de cavalo) escolas e empresas param para assistir, igual fazemos na copa do mundo.
    – Eles fazem churrasco em churrasqueira elétrica, e acham o máximo!
    – Toda comida é apimentada.
    – É vendido carne de Canguru em mercado.
    – Não vende cerveja, álcool em geral em supermercado.
    – Não há um prato típico australiano. Há quem diga ser linguiça e vegetais (?)
    – O café é horrível.
    – A água é mais cara que gasolina.

    Estou a 1 ano aqui, não paro de me assustar com essas diferenças

    • 1) Sim, mas isso não é estranho. Isso é 1o mundo.
      2) Ver #1
      3) Ver #1
      4) Ver #1
      5) Ver #1
      6) E porque não?
      7) Verdade. E todo ano.
      8) Churrasqueiras geralmente são a gás.
      9) Mentira.
      10) Isso é estranho. Mas delicioso.
      11) Verdade.
      12) Verdade.
      13) O Café é bom. Você não sabe onde achar.
      14) Mentira. Além disso água é de graça nos restaurantes e potável na bica.

    • Olá Allan, que bom poder sacar dinheiro na parede não? No Brasil também era assim. Churrasco em churrasqueira elétrica vc já ouviu falar Varanda Gourmet? As churrasqueiras são elétricas. Nem toda comida é apimentada. O café não é horrível pois vc pode escolher o país de origem e eles moem para vc na hora. Café de várias partes do mundo. Vá ao Prarham Market em Melbourne. Água é muito respeitada na Austrália. Assim como na maior parte do tempo eles se respeitam. None of my business…

  28. Esse costume de não mexer com mulheres nas ruas não é só na Austrália. No Canadá também é assim. O homem anglo saxão tem baixa produção de testosterona se comparado ao homem latino, além de ter baixa libido também. Além disso, pelo menos o homem canadense e o americano, estão intimidados com as mulheres de deus países, e por isso muitos deles estão se relacionando com asiáticas, pois com estas se sentem mais seguros. Há muitas outras diferenças se comparado ao Brasil.

    • Fala bestereira sobre nivel de testosterone. O que se tem muito fora do Brasil è educação, Respekt e “hora” pra fazer as coisas. Mas tem muito animal por ‘ai’ que tratam as mulheres como pedaço de carne e a tipica razão pra isso é que muito brasileiros tem uma educação de terceiro mundo…não ë a toa que brasileiros (muitos mas não todos) muitas vezes são juntamente com os outros terceiro mundo people se comportando igualmente. “Brasileiros sempre pensam que sao expertinhos” exatamente por isso que pais é este mar de rosas….affff.

    • Meu deus, quanta besteira, esse costume não tem nada a ver com falta de testoterona ou libido… Isso se chama educação e respeito pelas mulheres, amigo, e não é só na Austrália e no Canadá que isso existe. Infelizmente nisso os brasileiros são péssimos, e se você tiver amigas, irmãs, primas, e internet, vai ver que a maioria das mulheres não gosta quando mexem com elas na rua.

    • Bem, pelo que já assisti na Discovery sobre testosterona, acho que a interpretação é a de que ela está ligada mais à agressividade do que à etnia, não? Pesquisas apontam para níveis mais altos de testosterona na população carcerária e menores níveis de testosterona entre pessoas com níveis mais altos de educação, no sentido de conformação às regras sociais. Posso estar enganado, mas não me lembro de pesquisas associando níveis deste hormônio com etnia… mas posso estar errado.

  29. Acho muito legal o fato de não ter roaming nacional para telefones celulares. Meu telefone é registrado em Melbourne, posso viajar e usar em Sydney, Brisbane, Tasmania, sem nenhuma taxa adicional. Para ligar para qualquer celular em qualquer outra parte da Austrália também sempre o mesmo preço. Agora para os brasileiros pé-rapados (rs) nada de ligação a cobrar se o celular não tem crédito, vc sempre recebe ligações mas só consegue ligar para serviços de emergência sem crédito.

    Sobre o post acima:
    – Prato típico australiano: torta de carne; normalmente é servida como uma torta individual e o recheio com carne moída, há versões mais elaboradas com ovos, bacon, e pedaços de carnes nobres, mas a meat pie com ketchup em cima acompanhada por fritas é o prato mais típico daqui.
    – Aonde vc toma café? Melbourne é a capital mundial do café espresso, com maior numero de maquinas de espresso por habitante no mundo. É muito comum vc ir em cafeterias com diversos métodos de preparação, inumeras variedade de grãos e grande diversidade de bebidas quentes baseadas em café. As mais típicas levam 80% de leite e são chamadas de latte ou flat white. O leite não é apenas aquecido e sim texturizado com vapor, o resultado é uma bebida cremosa e muito mais elaborada que o “pingado” brasileiro.

  30. Toda sexta-feira eu tenho que responder a mesma pergunta no trabalho: “So what are your plans for the weekend?”. E toda segunda: “So how was your weekend?”. Muitas vezes eles não estão interessados, é mais por gentileza perguntar.

    • No Brasil é assim também, não precisa me contar o que aconteceu desde a hora que saiu do serviço na sexta até o que fez a 15 minutos antes de chegar no trabalho. Um “foi tudo bem” ou um “foi ótimo” basta. Todo mundo só pergunta por educação, querer saber detalhes acho que é invasão de privacidade.

  31. Só não posso concordar com o ‘Não mexer com Mulheres na Rua’. Aqui na cidade em que estou morando pelo menos eles mexen e muito. Principalmente quando eles estão em grupos (mais de dois) e maaais ainda se a mulher estiver sozinha. É um porre. Eles de fato chegam a ser piores do que os brasileiros, na minha opinião, pois chegam a lhe parar e pedir interação, coisa que quase nunca acontece no Brasil. :S Mas de fato todo o resto é super verdadeiro e esquisito. Hahaha

  32. Morei em Sydnei e é muito verdad!!! 6 pm o pessoal ja esta entrando nos restaurantes e se quiseres jantar as 10 pm esquece pq nao vai ter nenhum aberto! As pessoas abrem seus computadores nas paradas de onibus enquanto aguardam e nao tem nenhum roubo! As ruas sao limpidsimas mas as casas por dentro sao um pouco sujas… Todo mundo pede desculpa mesmo se a culpa de algo nao for de quem pediu desculpas! Povo muiiitooooo educado! Voce pede agua no restaurante e é de graça! Muitas vezes vc nem pede agua vc senta e eles ja colocam um jarra de agua na mesa! Dificilmente vc encontrara uma festa a 1 da madrugada, todos ja se foram! Vc anda no centro da cidade as 2 , 3, 4 da madrugada sem nenhuma preocupacao!!!! Tem trem para qq lugar que queira ir. Vc pode comprar um ticket semanal que contempla trem, onobus e ferry boat ao mesmo tempo! Vc mesma passa seu ticket do onibus nas maquinas q existem dentro do onibus. Se vc nao tem ticket compra com o motorista, nao existe cobrador de onibus! Dificilmente veras cadeira e guarda sol na prsia, as pessoas levam cangas ou toalhas para ficar na areia! A agua do mar é muiiitoooo gelada em sydnei mas no NE é quente! E muitas outras coisas legais!!!!

  33. -Eu moro em Perth em geral homem nao mexe com mulher em lugar algum…normalmente cada um fica na sua turminha, as mulheres que geralmente tem que chegar nos homens.
    -Andar de bicicleta na rua, so com capacete e seguindo as mesmas regras de transito para motociclista e voce e tao respeitado quanto um motociclista.
    -Voce nao precisa ficar horas no ponto esperando um ónibus e so entrar no site ou ligar para a central de atendimento pedindo informações ou para ver o horário, isso independente se for ónibus ou trem, todos passam no horário estipulado. Uma vez meu onibus estava atrasado 10 minutos e como isso e raro aqui eu liguei para uma central de atendimento ( o telefone da central de atendimento fica na placa aonde tem os horários que os ónibus vao passar) eles me avisaram que o ónibus estava preso por causa de um acidente e que eu tinha uma estacão de trem perto da onde eu estava e que estava funcionando normalmente.
    _ Outro ponto sobre os ónibus sao os motoristas… eles normalmente eles esperam você sentar para arrancar e aqui e bem melhor usar o meio de transporte publico do que seu próprio carro.
    _ Quando tem festival, jogos, shows ou algum evento grande ou o transporte e grátis ou ja esta incluso no ticket.
    – Agora o melhor de tudo para mim aqui sao os bancos, você nao precisa ir na sua própria agencia para resolver algum problema e so entrar na primeira que vê e pronto, raramente pega filas para fazer qualquer coisa em banco e alguns bancos funcionam ate nos domingos ate 12:00 pm.

  34. O negocio dos endereços faz muito sentido para baianos. Nos sempre achamos estranho o costume de outros brasileiros de algumas cidade, de jamais mencionar o bairro, principalmente quando se trata de um endereço residencial. Seria vergonha de dizer onde mora ? Sei la. Neste ponto, faz sentido.

  35. Olá Jerry ! Tudo bem ? Dei umas boas risadas em saber desses costumes diferentes dos Australianos ! Sou estudante de Administração de Sistemas e Redes aqui em Barcelona e no convivio eu pude notar um pouco disso por aqui também. Achei bastante curioso o fato dos números recomeçarem quando a mesma rua cruza outro bairro ! Estou procurando me informar o máximo possível porque pretendo fazer um curso de inglês em Melbourne este ano e quanto mais informação, melhor ! Ah, gostaria de perguntar uma coisa: Qual é o horário de funcionamento do metrô aí na Austrália ? Até mais, um abraço…

  36. Fui no prédio da Ernst Young em Brisbane e acabei entrando numa porta errada. E aí acabei olhando várias pessoas comendo. Depois fiquei sabendo q todo mundo(da recepcionista ao diretor) leva a sua própria comida para o trabalho. E não tem essa de secretária ou gente vendendo refri ou suco e muito mais, cada um limpa o q sujou. Mais um detalhe importante, eles têm condições($$$) de comer fora.

  37. Interessante, porem, nas festas de crianças tem MUITOS DOCES sim, ate’ demais! E eles não tem o costume ou necessidade de faxineira ou empregada, pois não se preocupam NADA com limpeza! E não, não escovam os dentes quando acordam, somente apôs o cafe da manha! Um absurdo! Outra coisa interessante que não foi citada, os australianos não fazem tratamento dentário, pois aqui, o governo não cobre dentista e e’ caríssimo, entao, podemos ver muitos australianos sem dentes, mesmo os jovens! Daniela Freeman.

  38. Olá…

    Eu também sou profissional de TI (no caso sou desenvolvedor Java) e estou prestes a tentar o exame SCJP. A minha esposa e eu sempre sonhamos em morar no exterior, visando em melhor qualidade de vida e outras oportunidades.
    Quais são as dicas para profissionais da nossa área para conseguir um emprego bom por ai?
    Se puder dar dicas, fico grato!

  39. Olá Jerry! Existe a possibilidade de passar uma temporada na Austrália com toda a família? Eu, esposa e 02 filhos! Detalhe: com pouca grana trabalhando lá para se sustentar? Gostaria muito de ter esta experiência!

  40. Morei em Sydnei por 9 meses à 12 anos atrás… simplesmente AMEI!
    Sabe o mais legal? As pessoas são educadas!
    Todos se cumprimentam na rua! Eu fazia uma caminhada todo dia de manhã pelas trilhas de Bondi e todo que cruzavam no caminham se cumprimentavam.
    Os primeiros meses em Gold Coast, o motorista do ônibus (aliás o transporte póblico funciona incrivelmente muito bem) que eu pegava todas as manhãs dizia: “Goodmorning brazilian girl1” Eu achava isso demais!!!!
    Nossa! Muitas saudades!

  41. Aqui em Melbourne o comercio fecha as 6 e eh muito facil vc axar algo aberto ate mesmo depois da 6 na city…lah eh muito movimento. Finais de semana entao nem se fala…. Estacionamento gratis aqui? nunca vi !!! Super caro por sinal !! tem lugar na city q cobram 16/20$ poucas horas !! A questao das portas que vc falo tem muito lugar q eh assim, mas tem muita casa q nao !!! Tem fechadura pra dentro e pra fora da casa !! Igual no Brasil. O que nao gostei foi que quando morei na homestay o banheiro e os quartos nao tinham trinco !! em ambos os lados !! Mas nunca tive problema algum, eles sempre respeitaram a privacidade nossa.

    Aqui em Melbourne vc encontra algem andando descalco sim, porem axo que isso nao acontece com muito frequencia aqui !! Até pq a cidade eh fria demais neh

    Otimos cafes e restaurante !! Impossivel de indicar um

    jah morei em predio aqui 3 vezes e nunca tive problema com o numero do apartamente !! Sempre muito parecido com o Brasil. Se vc mora no 10 andar o numero do apto comeca com ex 103…algo assim !! muito sussegado aqui !

  42. Morei em Gold Coast por 4 anos. Uma vez tomei um “pito” de um Senhor por estar caminhando do lado contrário da calçada!! “Você tem que andar do lado esquerdo da calçada” disse ele. Eu estava na contramão da calçada! kkkkk… nunca vi isso aqui, apesar de hoje achar que é mais organizado pois não temos que ficar desviando de ninguém e assim não perdemos tanto tempo…

  43. Nossa, os cometarios estao melhores do que o proprio texto.
    Tem tanta diferenca que nao tinha sido mencionada.
    O problema com faxineira eh mto verdade

  44. Pra mim, uma das melhores é que até nas calçadas a mão inglesa é respeitada, fazendo com que ninguém fique se esbarrando ou dando encontrões…abs

  45. I live in Brisbane and spend a lot of time in Sao Paulo. I would say the Brazilians are much warmer people in general and will welcome you in to there house like they have known you all your life, the Australians are much more conservative. Drinking on the streets in Brazil is a pleasure and very rarely see any trouble unlike Australia / UK where to many people having a good time ends with a fight at the end of the night. However driving, walking alone your house youre personal belongings are much safer in Australia and people in general have much more respect and are aware of everyones personal space. I asked someone for directions on Paulista Ave the other day he asked me for 5 real he was wearing a suit so he was a worker, getting short changed in Brazil is a never ending problem, sometimes I take a deep breath before ordering coffee in a butteco as I know it could end up with words exchanged. As for cleaners this is a 3rd world luxury and only the rich in general employ cleaners in Australia this is because people are payed what they are worth unlike Brazil. I should stipulate most of my experience is in Sao Paulo and this does not reflect Brazil as a whole. Brazil is a beautiful country and I am very happy for Brazilians to be moving to Australia with the hope that some of the rich Brazilian culture will rub off on the Australians, however the Brazilians can learn of the Australians to respect our fellow man and women and the environment. Both countries have good and bad and can improve in many areas I hope the Brazilians enjoy Australia as much as I enjoy Brazil.

  46. EU AMEI A AUSTRALIA!!!!Embora tenha ficado somente 30 dias para visistar minha filha que morava lá.
    Quem diz que acha chato é pq não saiu do padrão “reguinga” do brasileiro.
    Quando houvi uma bagunça na madrugada, quem mais poderia ser…., brasileiros gritando quebrando garrafas falando alto e palavrões, só zé povinho.
    Respeito, segurança é o que todos queremos por aqui, mas na hora de exercer a cidadania, nada!!!
    Eu adoraria morar na AUSTRÁLIA é lindo, limpo, educado e despojado, mas as circunstâncias não me permitiram ir pra lá, mas quem sabe um dia, ainda não perdi a esperança.

  47. Morei em Sydney por 13 anos e agora minha filha resolveu voltar, adorei tudo, aderi a muitas coisas (tipo não passar roupa, fazer limpeza “a seco” – paninho com produto de limpeza, etc) mas… lavar a louça realmente me dava nojo!!! Tinhamos um grupo de mães e quando era minha vez de lavar a louça elas ficavam horrorizadas com meu desperdício de água e eu com a porquice delas.
    Australia é um país maravilhoso, infelizmente estou quase me aposentando e não posso voltar agora mas planejo minha volta para daqui alguns anos! Aconselho quem puder que saia daqui ou mande suas crianças.

  48. Ahhhgente!! Morei em Sydney e o tirando tuuuudo que foi falado ai em cima (tudo verdade), o que achei muito interessante é a questão do semáforo fazer sons! Tem um bipe bem lento enquanto está fechado e quando abre ele dispara a tocar! Dessa forma qualquer pedestre é capaz de atravessar a rua sozinho, incluído os deficientes visuais. Todas as ruas e calçadas são preparadas para cadeirantes, não existe um buraco e todos os acessos tem rampinhas. E mais engraçado é ver os caras indo trabalhar de terno e patinete! Via isso everyday!!

  49. E, aí, pessoal!
    Sou carioca, nunca saí do Brasil e tenho muita vontade de visitar a Austrália. Diferenças culturais sempre existirão mas sobre os pontos mais polêmicos tratados, gostaria de fazer um pequeno “adendo”:
    Segundo o Brasileiro, Historiador, Antropólogo e Sociólogo Roberto DaMatta (PhD em Havard), a Cultura Brasileira é machista, patriarcal e escravocrata.
    Os motivos, todos nós sabemos bem: nossa civilização se desenvolveu sobre o domínio português sobre uma colônia de exploração.
    O único problema, comparativamente, que vejo é na falta de educação e a desigualdade que existe generalizadamente com nosso povo.
    Se fôssemos todos “educados”:
    teríamos orgulho de não precisar de empregada,
    teríamos orgulho de mexer (da maneira educada) com mulheres na rua e
    teríamos orgulho até das bundas na praia (o que atrai os estrangeiros para o Brasil).
    A questão é EDUCAÇÃO (ou a falta de).
    Grande abç a todos!

  50. Oi gente – sou uma australiana que mora já há 5 anos no Brasil então foi bem interessante ler os seus comentários sobre o meu país 🙂 Legal ver quais são as coisas que chamam a atenção de vocês. Como sempre, acho que temos que saber que é uma ocorrência (um caso pontual) e que é um padrão/comportamento compartilhado pela maioria. Também tem muita diferença entre um fato (EX: pela lei não pode beber na praia) e uma interpretação (EX: o café é horrível) E a final a perspectiva de cada um é apenas isso, uma das múltiplas perspectivas plausíveis. Acho que essa diversidade faz a vida ser tão rica e interessante! Curtem muito o meu país! OBS: pode ser a verdade que o australiano tem mais convivência com os insetos e outros bichos mas não conheço ninguém com uma aranha “de estimação” e na minha casa matamos as baratas sim 😛

    • Olá Zoe, é bom um nativo externar a opinião. Há muitas generalizações que as vezes são feitas em cima de casos pontuais. Morei mais de 7 anos lá, casada que fui com um australiano. A única coisa que eu não assimilei foi a de lavar a louça na mesma água e já colocar para escorrer. No resto é questão de pequenas diferenças regionais que também temos aqui. Outra grande diferença é o fato de aqui os jovens saírem as 11 horas da noite quando na Australia ( e aqui é geral)já estão voltando para casa. Outra coisa que foi dita aqui é de que não se convida para jantar. Convida-se se sim e eu mesma recebi várias vezes pessoas para jantar, que tem o seu horário respeitado permitindo à dona de casa preparar e servir uma comida decente, como foi planejada. Nada mais irritante vc convidar alguem para jantar as 9 e aparecer lá pelas 11. O que servir???Todos ficam esperando retardatário??

  51. Hajajjajaja serio?
    Nem no Brasil as pessoas mais conseguem pagar empregadas!!
    Acho que esse povo ta morando há tanto tempo aí e ta meio desatualizado 😉

  52. Amei esse post! Sou casada há 10 anos com um australiano e moramos ainda no Brasil, mas a idéia é ir para Sydney assim que der. Gosto de tudo lá. Amo a comida. Acho que vou me acostumar. Só fica MUUUUUIIIITOOO longe de tudo. Se eu pudesse escolher, voltaria para a Europa… mas com um marido e uma filha aussie, Sydney it is. Abraços!!!

  53. Ai a austrália!! Quanta saudade! Que paraíso!
    A única coisa que eu não gostei foi das mulheres piriguetes. A maioria pra falar a verdade. Saem para as boates e bares quse nuas. 5 graus lá fora e elas de mini saia e tomara que caia. Parei de sair. Davam em cima do meu namorado na cara dura. Bêbadas!

  54. Adorei esse hábito dos australianos: andar descalço! Adoro pés, adoraria ver uma profusão de exemplares de pés masculinos e femininos a cada saída que eu fizesse. E como a maioria da população australiana é jovem e bonita, tenho certeza que não veria os cascos que muito brasileiro tem, no lugar de pés.

  55. O que eu achei o máximo qdo morei na Austrália, foi o fato de eu conseguir mobiliar grande parte da minha casa com o ” lixo” q os australianos deixam na rua. Consegui cômoda, estante, microondas e ate televisão, inclusive a televisão estava com o controle remoto em cima e com um bilhete escrito working. Os australianos tem o costume de deixar as coisas que nao usam mais na rua para quem interessar. …..e é tudo de boa qualidade !! ♥♡

  56. Nada a ver que mulheres vão à depressão porque australianos não mexem com as mulheres na rua. Eu achava muito melhor, não ficava com medo de pervertidos na rua. Assim que voltei pro Brasil, tomei um super choque de realidade logo na primeira semana ouvindo cantadas nojentas e tendo que fingir que não escutei. Já tinha esquecido desse horrível detalhe cultural brasileiro.

  57. Bom eu estou querendo sair do Brasil devido a quantidade de violência e também pelo falo da falta de infraestrutura, mas antes de ir para Austrália (melbourne ou sydney)to querendo me formar aqui mesmo no Brasil mas não faço ideia do que é uma boa profissão na Austrália já que no Brasil você tem que ser Engenheiro, Médico ou Advogado para ter sucesso na vida, então quem puder me da uma alertada do é uma boa profissão na Austrália agradeceria muito, e também qual a melhor cidade entre melbourne e sydney.

  58. Lendo alguns os posts fiquei curiosa com a questão de emprego para brasileiros. Como é essa questão? Emprego fácil de arrumar? Ou vc so consegue algo se estiver com o inglês afiadíssimo?

  59. Muito comum também é vê-los indo ao mercado ou banco de pijamas, sem cerimonia! Adoram andar de bikes, existem milhares espalhadas pelas cidades e quase todos os motoristas respeitam muito as vias para andar com elas. Farol para bicicletas é tão comum quanto para pedestres e não se assuste se você entrar em trem as 6 da manhã e ver várias bicicletas dentro dos vagões! =) Em Melbourne, tem uma ciclovia que percorre a costa por mais de 50km, e você pode usá-la para voltar de uma festa ou picnic mesmo se for a noite!

  60. Ano passado tive a benção de Deus de realizar o meu sonho de conhecer a Austrália e vi algumas coisas bem engraçadas pra gente, que é gringo lá.. Aqui algumas:

    Os postes não funcionam: eu e minha amiga chegávamos em casa lá pelas 23h (tipo madrugada pra eles) e as ruas não tinham iluminação! Tipo, um ou dois postes funcionavam, mas no geral, tu-do no escuro! Ao ponto de você não enxergar onde está pisando!

    Os ônibus tem horário cra-va-do para passar: Uma coisa muito boa pra eles, mas um tanto que ruim pra gente, já que estamos acostumados a sermos atrasados em praticamente tudo em que temos horário marcado, não é?! Lá, os ônibus são tão certinhos com horário que, se o motorista perceber que está adiantado do horário em que tinha que passar em determinado ponto de ônibus, ele simplesmente fica pa-ra-do no ponto, esperando dar a hora de ele andar! Imaginem minha reação quando vi isso pela primeira vez, no ônibus, lá pelas 23h? Enfim, próximo tópico..

    Os trens não tem plataforma fixa para pararem nas estações: Me lembro que no primeiro dia em que pegamos o trem, conseguimos acertar a plataforma certinha em que o trem iria passar (já que estava aparecendo no letreiro digital da estação). No segundo dia, achando que já sabíamos andar de trem na Austrália, fomos pra mesma plataforma.. Aí pegamos o trem.. E ele foi até à Papua Nova Guiné, #sqn.. Conclusão: quando você estiver em solo australiano, veja sem-pre no letreiro digital da estação, em qual plataforma o seu trem vai parar!

    São algumas das coisas que eu vi lá..

    Parabéns pelo site, Jerry e Michelle! Lembro que acessei a página de vocês antes de eu ir pra Austrália.. God bless you!

  61. Cada povo com as suas manias. O Brasil está indo de mau a pior, pois há muita corrupção e impunidade, e o crime organizado ainda manda em muitas áreas. A justiça raramente coloca um político venal na cadeia, ou um rico. O Brasil será uma Venezuela ou Cuba ? Estou achando que estamos caminhando nessa direção. O Brasil não é um, mas muitos. Cada estado é diferente do outro. Mesmo no Rio de Janeiro, verifica-se a diferença entre os bairros. Estamos pagando muito imposto no Brasil. Quem ganha R$ 10.000,00 tem que pagar 27,5% de IR + 35% de impostos nos produtos ou serviços + taxas diversas. Dá mais de 60%. É o fim da picada. E o retorno desses impostos ? Só para os pobres. Não gostei de saber, que os australianos não gostam de escovar os dentes e de tomar banho. É um nojo. Os franceses também são assim. Jamais iria para a Austrália, por causa dos tubarões nas prais e tempestades vermelhas. kkkk

  62. Foi mal, mas banho de no máximo 5 minutos deveria ser obrigatório em todos os lugares. Uma pena que os brasileiros “não consigam se acostumar” com isso. :/

    • Isso é tão importante que no estado de São Paulo, que recentemente está passando por uma escassez de água nos reservatórios, houve uma recomendação num telejornal de tomar banho em até 5 minutos. Claro que eu lembrei na hora do “banho a moda australiana” rsrsrs!!! É a Austrália fazendo escola… Mas com tudo isso, os paulistas tem que se submeter a essas e outras orientações para ninguém ficar sem água, e usá-la de forma moderada e responsável.

      • Pois é Elias Paula, no quartel até dá para um banho de dois minutos. Mas no dia à dia é mais complicado. Mas tudo bem que se admita até 10min. Agora, o que acontece em SP, é pura incompetência, além de outros castigos merecidos. Ter um prefeito hipócrita como o que eles têm e um Maluf na vida, não é de se admirar. Tiririca, Adad, ….

  63. Tem mais:
    1) Não se pode beber na rua.
    2) Cerveja não se vende em supermercado. Só loja especializada.
    3) Dinheiro é de plástico.
    4) A moeda de 50 centavos pesa mais que a minha carteira cheia.
    5) Churrasco é com carne e linguiça e olhe lá
    6) TODAS as carnes do churrasco saem ao mesmo tempo.
    7) Amigos podem zuar a mãe de um e do outro.
    8) Cerveja acima de 10 graus é considerada gelada.
    9) Homens só entram na balada antes das 9.30 sozinhos. Após, só se for acompanhado com mulheres. Se for grupo grande tem que ser 2 mulheres por homem.
    10) Você pode beber na balada ou no bar, mas não pode ficar bêbado. Se ficar bêbado e se exaltar demais, o segurança expulsa.
    11) Ficar com alguém (principalmente desconhecido ou recém conhecido) na frente de amigos ou colegas de trabalho não é bem visto.
    12) Nenhum restaurante divide conta no cartão.

    • nao o pior todos os churrascos que eu vou aqui na australia a carne ou linguica e com pao , nunca se come a carne sozinha , a outra muito doida , o milho e super doce , afff

  64. Sem ter empregada, como fazem com as crianças enquanto estão trabalhando? Minha filha tem 8 anos e a empregada é mais por causa dela que por qualquer outra coisa.

    • Escola aqui vai ate as 3 da tarde. Pra criancas pequenas, as opcoes sao
      – creche: muito cara (50 dolares por dia, mas talvez exista ajuda do governo), dificil de conseguir vaga. Assim que ficar gravida vale a pena colocar o nome em varias listas pra garantir lugar pelo menos alguns dias por semana.

      – au pair: estrangeiras que moram na sua casa pra aprender a lingua e cuidam dos seus filhos. Voce tem que ter um quarto pra ela e imagino que varias outras condicoes.

      – family day care: voce paga pra alguem, registrado, cuidar dos seus filhos na casa deles. Sao geralmente poucas criancas, umas 6 a 10.

      Acho que existem algumas outras opcoes mas as principais sao as que citei acima. O que acontece muito e a mae deixar de trabalhar por alguns anos ou trabalhar “part time” (alguns dias por semana) e deixar o filho na creche nos dias que conseguir vaga. Mesmo conseguindo vaga para todos os dias da semana ainda assim nao vale a pena financeiramente, mas muitas mulheres pagam creche e trabalham, mesmo que pouco, pra nao ficar totalmente fora do mercado de trabalho e ser mais facil voltar no futuro.

  65. Morei em Canberra e algo que eu achava muito curioso, era o fato de que em alguns supermercados ou lojas você tinha que abrir a bolsa/mochila aos sair para mostrar que não estava levando nada…

  66. Jerry

    Morei em Sydney por 6 meses e acabei voltando para o Brasil devido ao falecimento de meu pai.
    Sou profissional de TI tbm e tenho 12 anos de experiencia com Suporte e NEgocios.
    Rola arrumar emprego na área por ai. Sou apaixonado por Sydney e gostaria de mudar em definitivo para ai.

    Abraço

  67. Muito interessante! Vale a leitura para quem pretende ir ou p quem já morou na Austrália!
    Vamos ao compacto:

    Eles não escovam os dentes depois das refeições; andam descalços ou de meia pelas ruas; os homens dificilmente “chegam” nas mulheres; as lojas FECHAM às 17:00 (inclusive as do shopping – não sei como sobrevivem); o apartamento “61” não necessariamente fica no sexto andar; eles passam uma espécie de manteiga de amendoim feita de MINHOCAS no pão; você não pode beber nada alcóolico na rua (inclusive na praia – onde você não vê cadeiras, nem guarda-sol e nenhum tipo de ambulante) e só pode comprar suas bebidas em lojas especializadas em bebidas; os churrascos australianos só tem hambúrguer; não existem cães de rua; a pontualidade é Britânica (se você se atrasar para algum compromisso, prepare-se!); as pessoas andam com a roupa que bem querem na rua (o que gera umas situações engraçadas, como pessoas indo ao banco de pijamas); ARROTAR em público é normal (você não precisa se desculpar por isso); a refeição do dia-a-dia é o Fish and Chips (e só! Mentira..tem a Meat Pie); dificilmente vc vê alguém com a roupa passada, sai todo mundo amarrotado mesmo (moda que eu aderi); você pode beber água da bica sem problemas (demorei pra me acostumar); pode andar na rua sozinha às 2,3, 4 da manhã sem medo; os ônibus não possuem cobrador (você precisa ter uma cartão especial – em horario de “rush” – tem isso lá? – o motorista não vai aceitar dinheiro para pagar a passagem. Só o cartão) e tem um horário CERTO para passar nos pontos; você consegue mobiliar toda uma casa (inclusive eletrônicos) com coisas deixadas na calçada para serem repassadas; por as calçadas serem perfeitas e com rampas de acesso, muitas pessoas vão trabalhar de TERNO e PATINETE; o Barman da boite PARA DE SERVIR BEBIDA caso ache que você está muito bêbado e o segurança não te deixa entrar na boite caso ache que você não possui condições..
    Por fim…gostaria de sanar uma curiosidade… No dia seguinte ao Natal as pessoas vão todas de branco para a praia e mergulham no mar de roupa. Não sei se só em Gold Coast (onde morei). Como se fosse um pré-reveillon… Se alguém puder explicar pq esse ritual!
    Weird Australians, but I love it and I miss this SO MUCH! 😉

    • -Manteiga de amendoim feito de minhoca? Eu acho q vc se está se confundindo com witchetty grub, q é uma larva q tem gosto de peanut butter e q é uma comida q os aborígines comem… Australianos mesmo não comem isso!
      -Também não sei aonde q australiano só come hambúrguer nos churrascos, moro aki desde 96 e creci aki e nenhuma casa das minhas amigas eu comi hambúrguer, eles fazem carne mesmo e salsichas!
      -Também arrotar em público não é normal, se alguém faz isso é pq é mal educado!
      -Eu nunca vi ou ouvi falar em mergulhar vestido de branco aki em Perth ou em outro estado, eu acho q vc deve ter visto uns estrangeiros fazendo isso!

  68. Eu Moro. Aqui desde pequena e pra mim e muito normal limpar sua própria casa achei estranho no Brasil todo mundo ter empregada mesmo morando em apes minúsculos!

  69. Passei 15 dias em Sidney na casa de um amigo… e realmente o preconceito é com quem fala o Ingles mau…. eles nao gostam…
    em relação a ser pontuais… isso é demais!!! tudo funciona perfeitamente… se vc ver na placa do ponto de onibus que ele chega as 13:32… pode acreditar… ele estará encostando exatamente as 13:32… isso é perfeito…
    e tem masi uma coisa… como no brasil foi um época, o motorista é quem faz a cobrança ou vc mesmo passa seu cartão e entra no onibus…. que alias nao tem catraca… vc passa seu cartao se vc quiser, masi la é claro, todo mundo passa o cartão… genial!!! ahhh e o motorista e muito gente boa… mesmo tendo que digigir, cobrar e dar o troco, nao se atrasa en nem se atrapalha….
    Eu voltei tenho uma visão de que a australia é um Brasil que funciona!!!!

  70. Olá galera que mora na Austrália, tenho mais uma curiosidade: Se eu marcar algum horário com o(a) australiano(a) e, por força maior, não poderei chegar à tempo de chegar na hora certa. Como o(a) australiano(a) vai reagir se eu entrar em contato com antecedência informando que vou chegar atrasado: eles(as) acabam ficando irritados(as) mesmo assim? Ou eles(as) acabam relevando por eu ter avisado antes de chegar atrasado? Gostaria de saber a resposta. Obrigado!!!

  71. Tem também o fato de que em mais de 90% das casas australianas tem pelo menos um pote de Vegemite e achava muito engraçado os motoristas de ônibus e táxis vestindo agora e bermuda no verão, com a meia branca quase batendo no joelho.. Pereciam crianças no colégio 🙂 ah, a maioria também tinha uma simpatia gratuita com brasileiros.

  72. E interessante que o brasileiro fica admirado com tudo> e Um pais de terceiro mundo e normal que num pais de 1 mundo as coisas sejam diferentes. se compararmos a Australia com alguns paises da europa muitas da diferencas deixan de existir.
    Povo ruim brazil.Eu estive la 4 anos e adorei e verdade que o brazileiro tem muita ma fama la . Por nao comprar os bilhetes certos e do jeitinho brazileiro . eu vi numa loja de alugauer de casas un cartaz grande nao se alugam casas a bazileiros..escumalha

  73. Lendo todos os Posts é interessante ver como se generaliza tudo. À exceção de alguns pontos, posso dizer que os australianos são muito parecidos com os Brasileiros. A Australia é um Brasil que deu certo. Alguns hábitos que os brasileiros acham estranhos já foram comuns no Brasil. Com a involução estamos deslumbrados de que educação e respeito existam…

  74. Entrei em depressão foi de saber que tem algum homem que ACHA que mulher gosta de receber “elogios” quando está andando na rua. Sinceramente, vc foi MUITO infeliz no comentário deste tópico em particular.

  75. Mta generalizaçao mesmo. O transporte publico, pelo menos em Sydney eh mto tosco. Os motoristas algumas vezes sao simpaticos, mas muitas vezes sao escrotos, posso citar a linha que pego aqui de casa pro centro (433), essa NUNCA passa no horario (ok, sem generalizar, passa no horario entre 6 e 9 da manhã, mas durante o dia nunca), e uns 80% dos motoras sao mto mal educados (eu me sinto um otario qdo entro no onibus e falo bom dia, ou hey mate e nego nem responde). Por outro lado acho legal que nao rola preconceito, vc ve uns motoristas que parecem hippies, com uns cabelos e barbas gigantes, dreadlocks e tudo mais. E o lance de passar o proprio cartao, bom, sempre tem os fiscais no onibus verificando os tickets e multando a galera.

    O lance das bebidas tb eh ridiculo, as vezes vc sai do trampo cansado, quer tomar uma antes de ir pra casa, ae chega no bar com cara de cansado o segurança nao te deixa entrar. E o pior eh que com todo esse “cuidado” aqui vc ve muita briga por que nego ta bebado demais, muita mesmo inclusive umas semanas atras tavam querendo por uma lei pra parar de servir drink a 1 da manhã. Como se fosse resolver alguma coisa…o que normalmente acontece eh expulsarem quem ta mto bebado do bar…dae o que acontece ??? O povo vai pra rua bebasso e briga…mto inteligente neh ! hehe enfim…Australia eh legal, e eu se pudesse escolher ficaria aqui pra sempre…mas tem mta muuuuuuuita coisa tosca aqui, mta coisa que no Brasil eh mto melhor.

  76. G’day mates…hehe… Bom, tudo que diz acima é verdade, voltei pro Brasil e decidi não mais passar roupa…rsrs… Mas vale uma ressalva para quem for dirigir na Austrália, vc baterá a mão na porta da direita, toda vez que for trovar de marcha, ligará o limpador se para brisas toda vez que for ligar a seta, isso nas primeiras semanas, e o qie eu achei curioso em Melbourne, é que existem as chamadas “Hook-Turns”… Ex: Se vc está em uma rua onde há mão dupla e vc precisa virar a um cruzamento à direita, passando pela mão contrária pra acessar a rua, no Brasil, teriamos que ligar a seta e aguardar a direita e aguardar o acesso, já lá vc faz ao contrário, vc tem que ir pro canto contrário da rua, ou seja pro canto esquerdo, aguardar a sua deixa de entrar na rua, as vezes eles param e deixam vc passar numa boa, pra acessar a rua, isso achei estranho no começo, mas depois acostumei, vc se sente estranho estar com um volante do lado direito, e vc muda a noção do espaço olhando pro lado esquerdo, sim, buzinas são raras, se vc ver buzinaços constantes vc obviamente vai ver um árabe atrás do volante, ( o povinho que gosta de uma buzina), sim, vi muitos andarem de meias e descalços nas ruas, o Burguer King aqui se chama Hungry Jack’s e a melhor coisa do mundo: VEGEMITE (Tipo de uma manteiga de cevada ou algo do tipo…) com pão é uma delícia. ..

  77. Não sei se alguem já citou, mas tem a do papel higiênico, que após ser usado e depositado na vaso sanitário. Não tem cesto de papel usado.

  78. E outra coisa estranha que eu percebi (vendo algumas cidades australianas pelo Google Street View) é que a maioria dos bancos do ponto de ônibus ficam virados de COSTAS para a rua. Só existem alguns bancos virados para frente da rua em pontos cobertos. Existe alguma explicação para isso?

  79. Se os australianos vierem pra cá em massa na Copa vão passar sufoco, exceto pra arrumar faxina, comprar birita e achar comércio aberto. E a água pode ser barata (se não houver racionamento), mas em Junho vai ser cobrada a peso de ouro. O resto é de dar vergonha, em especial a falta de cortesia e respeito do nosso povo em geral, com as honrosas exceções que confirmam a regra.

  80. parabens tudo postado e verdadeiro , essa de assustar ao ver escovar os dentes , essa de andar descalco pela rua tbm e muito verdade , agora essa de assoviar , eu ja passei por isso , eles assobiam , so nao vejo buzinar quando uma mulher passa , e uma coisa muito comum no brazil , que eu quase nao vejo aqui na australia ., agora vou citar um costume, que adaptamos aqui na australia , no brazil e raro o homem cozinhar , aqui agora adaptamos com jeito australiano , cada um tem seu dia de cozinhar , um dia o homem outro dia a ,mulher , adoreiiii , ahhhhh ja ia me esquecendo , so achei meio estranho , aqui cada um tem seu final de semana , tipo um final de semana a mulher fica com os filhos pra o marido sair , e no outro final de semana , o esposo fica com os filhos para a esposa sair , e assim ta tudo bem ,

  81. moro em perth . uma coisa q sempre acho engracado eh a mania do pessoal te cumprimentar na rua seja andando, correndo ou de carro qdo vc esta na estrada sempe o carro vindo da direcao contraria levanta a mao dizenso um “opa e ai?! ” kkkkkkkk

  82. Eu nao sei que respeito eh esse que vcs falam aki, eles nao mechem com as mulheres…o que adianta eles nao mexerem com as mulheres nas ruas mas atacam as suas esposas ou namoradas em casa?A Australia esta entre os paises que mais tem violencia domestica muito mais que no Brasil…

  83. Resido em São Paulo, já estive na Austrália por 2 vezes, tenho filha que mudou para a
    Austrália em 1998, casada e tem uma filhinha com 1 ano, está muito bem adaptada a rotina e costumes da do país, quanto a alguns costumes que aqui no Brasil são inaceitáveis como arrotar e mesmo soltar o que chamamos de “pum” o Australiano de origem (hj é comum a miscigenação) realmente pratica pois quando questionado até que respondem com alguma lógica pois dizem que segurar um arroto ou mesmo um pum é algo que deveríamos aceitar o que nosso organismo está pedindo o que cá entre nós homens ou mulheres quem segura quando não está próximo de alguma pessoa????? Mas costume é costume e, temos os nossos. Quanto a educação, sempre comento que o brasileiro é um dos mais mal educados que conheço, todos se abraçam, se beijam quando encontra a galera mas quando se caminha pelas ruas, entram em um elevador, pagam o pedágio etc etc dificilmente cumprimentam as pessoas. Por último, quanto ao assédio eu sempre respeitei as mulheres aqui no Brasil ou quando viajei para outros países o que realmente existe é que nos países chamados de “primeiro mundo” o assédio de homens as mulheres é caso de polícia e apenados pelas “cortes” porém, lembro de um caso quando estive em Quebec no Canadá (estava com meu irmão) e, três mulheres se levantaram da mesa onde estavam e descaradamente vieram nos cortejar então, fica a pergunta…..onde está a lógica disto pois se fosse o contrário poderíamos correr o risco de até sermos presos. Ah!!!!! respeito as mulheres aqui no Brasil mas cabe uma ressalva algumas só faltam pedir para serem desrespeitadas, tal a forma como se vestem algumas com sais tão curtas que dá para ver a calcinha e, mais ridículo ver algumas com saia curta e, quando você olha ou sente que muitos olham ficam a puxar a saia prá baixo PÔ está faltando pouco para homens saírem para uma balada e serem literalmente engolidos pelas meninas.
    P.S NÃO SOU JOVEM, TENHO UMA NAMORADA LINDA QUE RESPEITA E SE FAZ RESPEITAR.

      • Concordo com a Andréa. Quer dizer que se uma mulher quer usar uma saia mais curta tem que se sujeitar aos instintos selvagens dos homens? Faça-me o favor.

        Sobre o post, dei bosas risadas e fico realmente ALIVIADA que na Austrália os homens não costumam “mexer” com mulheres na rua.

        • Podem ficar tranquilas meninas. Quanto mais vocês mostrarem, mais serão respeitadas. A gente só quer dar uma espiadinha no material…

  84. Tente comprar um rôdo na Austrália. Simplesmente não existe! E quanto ao racismo, em Brasília, eu vi a reportagem e acredito que ela seja uma louca. Não vi racismo por lá.

  85. Essa é para as meninas: se quiser namorar um australiano, tome a iniciativa. Eles são geralmente muito tímidos, mas adoram brasileiras. Eles acreditam que a paquera é iniciativa da mulher.

  86. Oi, Jerry! Não tem muito a ver com o post, mas eu queria saber uma coisa…. Eu quero fazer design de interiores, porém no Brasil mesmo, quando eu for pra Austrália eu consigo trabalhar com isso lá? Quanto ganha (se você souber), e outra coisa, ouvi dizer que o aluguel é por mês e fiquei com medo… será que vou conseguir pagar tudo certo e ainda comprar outras coisas? Talvez vá eu e umas 4 pessoas, ou 5, Que acho que vai ser meio dificil ir esse povo todo, e caro também kkkk. AH, pode morar 6 pessoas numa casa só, né? kkkkkk

  87. Gente, eu nao moro na Austrália mas já fui várias vezes, na real moro na Alemanha e após muitos e muitos anos eu fico assombrada que em 2014, as pessoas no Brasil sejam tao mas tao apegadas a empregadas domésticas, eu acho medieval!

  88. Li uma reportagem que dizia que fechar a mão com o polegar levantado (o que pra nós corresponde a legal, ok…), na Austrália e em alguns países significa o mesmo que mostrar o dedo do meio. Alguém sabe dizer se é verdade?

  89. Eu moro em Perth (Western Australia) a 8 anos. Concordo com a maioria dos comentarios. So I do estacionamento gratis que quase não tem aqui. E uma hora de graça quando tem para ser feliz :(.
    Quanto aos homens mexendo na rua, acontece sim principalmente os mais novos (não tanto que nem no Brazil ou na Italia). A maioria deles fica só olhando com cara de bobo se tiverem de carro dirigem bem de vagaries para ficar olhando. Comédia pura! Eles sao timidos, mas a cara entrega. Se você olhar para cara deles e eles olharem para o chão, pode ter certeza que estavam olhando. Vai aí a dica para as meninas se sentindo mal sem a constante bajulação.

    • Amei!!
      Adoro homens t’imidos!
      E para falar a verdade, acho os estrangeiros MIL VEZES mais bonitos que os brasileiros.
      AMO um gringo!!
      Pelo jeito, terei que morar no exterior, pois eles sao maravilhosos!!!
      Adoro homens do tipo “Brad Pitt” = altos, magros, pele branca, cabelos ou olhos claros – tipo modelo.

  90. Estes costumes certamente é de origem inglesa, uma vez que o país foi colonizado por eles, é o mesmo costume que observava na Inglaterra, como tomar banho 1 vez por semana em banheira e fazendo uma refeição macarrão com salsicha, outro coisa é chupar os 5 dedos da mão após comer sanduiches ou outra coisa melosa, muito nojento, não repassar louvar por para secar com espuma de sabão, vemos muito em filmes americanos.tomar pingado nas refeições, esta é a origem do nosso pingado, enche o copo de café e pinga o leite, e toma frio. não comer em mesa e sim sentado ao chão cadeira ou sofá, mesa só serve para apoiar os alimentos…passar fio dental nem pensar se o dente não é escovado hora nenhuma, lavar as mãos após saída do banheiro muito menos, dizem que tudo isso é questão de cultua, se fosso no Brasil era pobreza.

  91. Descordo um pouquinho com o lance da faxina
    Aqui na northern beaches quase todas famílias
    Tem faxineira que por sinal a maioria sao brasileiras
    Manly em especial por ter uma comunidade enorme de brasileiros todos os estudantes
    Que chegam trabalham com faxina. Fiquei chocada qdo uma família
    Que trabalhava como cleaner me pediu pra ser baba tb
    E eles me pagavam $25 pra fazer faxina mas me ofereceram salário bem inferior
    Pra cuidar das crianças nao acreditei pois nao reclamavam de pagar um valor alto pra faxina mas pra cuidar das crianças nao.
    Sinceramente nunca vi uma Australiana limpando a casa as Australianas odeiam fazer faxina deixam a casa imunda mas nao tocam em nada se tocam bem superficialmente.
    Obrigada por dividir todas essas informações adoro a Austrália moro aqui
    A5 anos e tb ja me adaptei com todos esses hábitos australianos
    Ps tenho sempre q mandar meu marido (australiano ) ir escovar os dentes.

  92. Ôs FDPs não mexem com você na rua???? Quem liga para falta de empregada, mudo pra aí amanhã!!!!! O lance ecológico, de não matar insetos e curtir o ar livre e a natureza é bem legal, e as minhas portas funcionam assim, então já me acostumei a não ficar fechada pra fora kkkkk!!!!!

  93. Morei em Darwin, North Territory, por 3 anos. Não precisava de empregada, pois era extremamente limpo. A casa simplesmente “não sujava”. Ao passar pano em cima da geladeira após 1 mês de faxina, o pano saía limpo. O fato de não existirem muitos poluentes no ar, facilita a limpeza da casa. Atualmente moro na capital de São Paulo, se fico 3 dias sem limpar, ao passar o dedo, vc tira pó….

  94. Recentemente tive a oportunidade de conhecer Melbourne e Sydney (me apaixonei por Melbourne), e reparei em muitas coisas que estão descritas no post.

    Agora, uma coisa que me deixa triste é ler vários comentários – de pessoas aparentemente com bom nível educacional, provavelmente bom nível financeiro – falando tão mal do Brasil. Não, não sou ingênua a ponto de achar que aqui é perfeito (está longe, muito longe disso). Mas esse complexo de vira-latas cansa. E as pessoas cobrando educação, cidadania, etc, será que começam por elas mesmas a agir de uma maneira melhor? Contribuem efetivamente para um país melhor ou o máximo que fazem é ficar falando mal do Brasil na internet?

    Enfim, uma das coisas que mais me fizeram refletir na minha estadia na Austrália foi ter contato com pessoas de várias partes do mundo que nutriam uma simpatia imensa pelo Brasil. Uma simpatia que vai muito além do “Oh! Brazil! Samba! Carnival! Soccer!” O que eu encontrei de estrangeiros interessantíssimos na Fed Square interessados na cultura, na arte, na música brasileira, e que elogiavam sinceramente o jeito aberto e simpático dos brasileiros… Somos um país querido e com potencial enorme, pena que temos um povo que se autodeprecia demais…

  95. O mal do Brasil são os Políticos e o povo acomodado…sendo que a riqueza tem temos em recursos naturais etc, poderíamos ser hoje pais de primeiro mundo,com toda certeza,devido essa corrupção maldita penso em até mudar do Brasil por tanta injustiça apesar de Amar o Brasil

  96. Moro na Inglaterra… e muitas coisas sao parecidas… tirando o frio que faz aqui!!!
    Tenho vontade de conhecer a Australia…imagino que deve ser uma Inglaterra com verao o ano todo!

  97. Rafael Valadao, considerando que a maioria da população é pobre e o governo, neste caso o PT, com sua incrível ideia de oferecer uma diversidade de bolsas (Bolsa Família, Bolsa gás, bolsa material escolar, bolsa alimentação) Promoveram dessa forma a ilusão e medo da população por perderem assim esses benefícios, sendo assim essa maioria realmente não vai protestar, pois elas infelizmente dependem disso. O Governo não promoveu ajuda a eles, e sim uma pequena quantia para que estes não enxerguem as verdadeiras soluções para melhoria de vida. Ainda dentro deste contexto a TV nao mostra mas todos os dias em Brasilia tem no minimo meia duzia de cidadãos em frente ao Palácio declarando seus direitos no Brasil. A TV é nossa grande cilada!

  98. Adorei o artigo, só 4 coisas me incomodaram: banho curto, não escovar os dentes, aranhas (sou aracnofóbica!!!) e o lance dos endereços. Gente, depois de quase 20 anos em São Paulo eu ainda me perco, imaginem na Australia com essa confusão de ruas com mesmo nome e numerações com lógica tão exótica? Eu teria que andar desenrolando um novelo de lã, igual Teseu fez para não se perder no labirinto do Minotauro… Sobre o fato de não mexerem com mulheres realmente achei a melhor parte. Que gentileza… Aqui em Sao Paulo a onda agora é o costume de as mulheres terem que andar armadas com alfinetes dentro do metrô lotado (linha vermelha principalmente) para se defender dos tarados que ficam se esfregando na gente no meio da multidão, se aproveitando do aperto do vagão. Já aconteceram recentemente casos em q ue as mulheres saíram sujas de esperma,, porque o animal se masturbou nelas.. Horrivel. Existe uma campanha sobre isso que começou no mês passado, tamanha era a ocorrencia dessa violência contra as mulheesr dentro dos metrôs e trens de São Paulo. Eu sinto medo todos os dias… Sem contar as cantadas ridículas que somos obrigadas a ouvir de alguns animais por aqui. Esse comportamento obsceno, tão comum nas ruas daqui do Brasil é que me deixa depressiva. É violento e abusivo. Em algumas situações a gente até escuta ofensas se mantemos uma postura indiferente… Realmente, nesse ponto, eu daria preferencia pelos australianos, que, tirando os bogans, devem ser muito mais sofisticados nas suas paqueras… Ou estou enganada?

  99. Então, com exceção de andar descalço, todos esses costumes são efetivamente britânicos e comuns à maior parte da commonwealth.

    E quando a mulheres não levarem cantadas… Bom, isso me parece totalmente positivo.

  100. Olá,
    Sei da dificuldade em se arrumar um emprego na área sem ter um inglês nativo pelo menos, porém sou formado em Redes de Computadores e tenho uma Certificação ITIL Foundation V3.
    Estou com a previsão de ir para Melbourne no ano que vem, obtendo o inglês, é possível arrumar trabalhos na área ou teria que fazer um curso ou até mesmo Universidade na Autrália?
    Quero dizer que o site é ótimo e tem me ajudado muito em todas minhas dúvidas.

  101. Prezados Senhores(as),

    Para finalidade comercial; sendo preparado em 6 meses, gostaria de receber seu e-mail de contato para futuro contato visando anúncio publicitário.

    Obrigado por ler esta mensagem, Fernando Tavares

  102. affs, até meu cachorro toma banho mais demorado… prefiro 1000 vezes o Brasil, tomo banho 2 vezes ao dia, escovo os dentes após as refeições, minha casa brilha de tão limpa, e quando não posso limpar, pago a alguém… Bebo (com moderação) a hora que quero, em qualquer lugar.

  103. Oii!! Estou fazendo um trabalho sobre a Austrália e gostaria de saber se ai existe alguma bebida tipica ou algo assim. Vi que consomem o llb, mas não encontro uma das bebidas necessárias aqui em SP. Teria alguma dica de bebida? Por favor responda no meu email se possível. Obrigada!!!!!

  104. Em relação a parte “eles não mexem com mulheres na rua”, você quis dizer que as mulheres entram em depressão por serem assediadas aqui no brasil, né? Por favor, o sonho de qualquer mulher é não ser assediada nunca, isso me deu até vontade de ir morar na austrália…

  105. oi jerry e verdade que muitos brasileiros que vao pra australia nao sentem vontade de voltar mais pro brasil
    quem nao sabe naa de ingles consegue emprego aí,é melhor ir atraves de uma escola de intercambio ne
    o custo de vida aí é alto

  106. Boa noite a todos.

    Bem, meu projeto é ir para Austrália final de 2015 conhecer e escolher um cantinho onde eu me adapte melhor e viver lá o resto de vida que tiver….rsrs….

    Perguntas: Qual é o custo de vida aí? Exemplo quanto eu gastaria para passar um mês, em reais, isso sem esbanjamentos? Pra quem vai sem conhecer ninguém, é melhor ir por agência? Existem pessoas, até mesmo brasileiros, que dividem moradia? É melhor morar em casa de família no começo, ou dá pra morar com outras pessoas como numa república, por exemplo, como aqui no Brasil?

  107. Churrasco australiano. Eles fazem tudo de uma vez e sentam pra comer, não tem esse negocio de ficar cozinhando a carne aos poucos e servindo devagar. By the way, não use as mãos quando for a um churrasco na casa de um Australiano.

  108. Ao fazer compras você sempre é perguntado se precisa de uma sacola. As pessoas costumam levar suas sacolas para evitar a geração de lixo.

  109. Pelo que percebi estes costumes, sao a cara da Australia..Eu nao conheco, mas conheco muito bem Europa e Estados Unidos. Australia e um pais de imigrantes…e estes costumes em sua maioria e muito Europeu ou americano e outros asiaticos…ou seja e uma grande mescla de culturas.

  110. Não mexer com mulher na rua é estranho? Eu axo uma questão de respeito.
    Se isso é tratado como comum aqui, significa que o comum do brasileiro é ser um panaca =p

  111. Cabe a nós brasileiros fazermos o Brasil(e não Brazil) que queremos.Não sejamos acomodados e nem fujamos da nossa realidade. Somos cidadãos do Mundo como qualquer pessoa de qualquer País.Mas nascemos aqui, e moramos aqui.Tudo bem querer morar noutro País.Mas não vamos cuspir no prato que nos alimenta ou alimentou!

  112. Olá Jerry !
    Você mencionou que trabalha na área de TI. Sou estudante de Engenharia de Telecomunicações, gostaria de saber como é o mercado de trabalho na Austrália nessa área ? Você tem conhecimento ? Cidades específicas etc. Grato .

  113. Olá, casal! Tudo bom?

    Adorei a matéria! Mas me interessei muito pela descrição de quem vocês são, rs.
    Sou novo no site, e ainda não procurei, mas gostaria de saber como está o mercado de trabalho para brasileiros na Austrália, ainda mais para T.I!
    Estou cursando 4º semestre de Sistemas de Informação e gostaria de me mudar para aí!

    Obrigado!

    Att,

    Matheus!

  114. BBK (nosso churrasco) pra eles significa pão de forma com vina (para alguns salsicha hahah) feitos numa chapa!! =O não acreditei quando fui em um!!

  115. churrasco, todos os jantares tem churrasco, no gas, mas a carne deles eles chamam de churrasco, q nada é mais q um bife na frigideira (q la é feita em uma churrasqueira a gas na varanda) que é sensacional…. e todos sabem cozinhar

Comments are closed.